Sistemas de Informação Distribuídos

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Ir para: navegação, pesquisa
Diamond-caution.png Os títulos de alguns módulos deste livro não estão de acordo com a nomenclatura adotada no Wikilivros e precisarão ser renomeados.

Neste livro, são apresentados os conhecimentos necessários para a compreensão, o projeto e o desenvolvimento de sistemas de informação distribuídos. O livro está orientado para o estudo de tópicos avançados em modelagem e aplicações de sistemas de informação distribuídos. É dada ênfase à Web Semântica e sua aplicação no desenvolvimento e integração de sistemas de informação. É discutido o emprego de Web Services e de Ontologias na integração e operação de sistemas na Internet. A Inteligência Artificial constitui-se em elemento importante nas aplicações distribuídas modernas e deverá ser tratada no texto. Solicitamos aos futuros colaboradores que procurem incluir apenas tópicos mais avançados. Os tópicos fundamentais podem ser incluídos ou referenciados na Wikipedia.

Mestrado, foi redigido inicialmente como atividade didática e inclui o conteúdo da disciplina de pós-graduação Sistemas de Informação Distribuídos.

Editores[editar | editar código-fonte]

Pessoas envolvidas no início do projeto e atuais responsáveis pela elaboração e revisão dos textos deste livro.

Sugestões para o estudo[editar | editar código-fonte]

Um wikilivro (wikibook) deve ser visto como um ambiente dinâmico de leitura e de estudo. Cada texto contém apontadores para conceitos descritos na Wikipedia, sempre que possível direcionando o acesso para textos em português. Muitas vezes estes textos só existem em inglês, neste caso quando o cursor passar sobre o apontador aparecerá o texto: "en:...". Caso você domine o inglês pode colaborar realizando a tradução e criando uma versão em português. Cada capítulo possui, também, referências bibliográficas. Muitas destas referências contém um indicador Digital Object Identifier que permite o acesso ao documento original. Utilize ao máximo estes recursos de navegação para obter um melhor aproveitamento deste material.

Introdução[editar | editar código-fonte]

Neste capítulo são abordados os conceitos fundamentais para o estudo de Sistemas de Informação Distribuídos.

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Infraestrutura compreende todo o ambiente tecnológico para a implementação de SID, tais como: comunicação e protocolos, tratamento de validação de acesso e segurança, sistemas de arquivos e banco de dados distribuídos e grades de computadores (grid computing).

Interoperação[editar | editar código-fonte]

Este capítulo está dividido em duas seções:

  • Interoperação de dados: formas de representação de dados para possibilitar a troca destes em aplicações distribuídas;
  • Interoperação de processos: interação entre processos (aplicações) visando a troca de informações e serviços.

SID na Web[editar | editar código-fonte]

Computação Ubíqua nos Sistemas de Informação Distribuídos[editar | editar código-fonte]

Nesse capítulo será descrita a extensão dos Sistemas de Informação Distribuídos (SID) que tem evoluído e se tornado realidade nos últimos anos: a Computação Ubíqua (Ubiquitous computing – UbiComp).

Segurança em SIDs: Intranet e Internet[editar | editar código-fonte]

Engenharia de Software para SIDs[editar | editar código-fonte]

Não existe uma distinção formal entre a Engenharia de Software tradicional e a Engenharia de Software para Sistemas de Informação Distribuídos na literatura. A idéia central do capítulo é mostrar ao leitor que cuidados devemos ter na especificação de um sistema de informação distribuído para que fiquem claros quais componentes da arquitetura terão características de distribuição e como essa distribuição será feita.

Aplicações[editar | editar código-fonte]

Aspectos Organizacionais[editar | editar código-fonte]

Neste capítulo são apresentados diversos aspectos dos Sistemas de Informação Distribuídos no que se refere a organizações virtuais, como e-business e suas variações, gestão de conhecimento, tomada de decisão distribuída e outros, de modo a observarmos o impacto da computação distribuída no dia-a-dia das empresas, negócios e funcionários.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]