Discussão:Matemática elementar/Arquivo LQT 1

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Esta é uma página LiquidThreads que foi arquivada. Não edite o conteúdo desta página. Por favor direcione quaisquer comentários adicionais à página de discussão atual.


Não creio que no ensino médio o tema Matemática Financeira seja relevante... Marcelo Reis 04:14, 12 Out 2004 (UTC)

Também acho que não... parece-me um bocado off-topic, como se diz nos newsgroups! João Jerónimo 21:35, 12 Out 2004 (UTC)
Vou aguardar mais uns dias para ver se o anonimo que criou as entradas aparece, caso contrário estarei removendo o capítulo. Marcelo Reis 17:20, 13 Out 2004 (UTC)
Matemática Financeira é estudada no Segundo Grau, mas de forma bem elementar, com problemas do tipo se eu pego emprestado R$ 100,00 pagando juros de 10% ao mês, quanto de juros eu pago depois de 6 meses? (para os não-brasileiros, essa é a taxa de juros cobrada pelos bancos e cartões de crédito no Brasil, em 2007 - mas eles cobram juros compostos). Albmont 20h00min de 15 de Dezembro de 2007 (UTC)

Só uma pergunta...[editar código-fonte]

O que é que se entende por Matemática de Segundo Grau??? Eu conheço vários dos conteudos aqui expostos... será que a matemática que eu conheço é do segundo grau?! Sinceramente as potências, por exemplo, parecem-me já coisas muito básicas para serem consideradas como de "segundo grau"... João Jerónimo 22:18, 18 Out 2004 (UTC)

Realmente... Peguei esse livro com a estrutura já montada por um anônimo. Existem diversos erros, o mais imediato (porém não tão grave) é o próprio título, pois segundo grau é um nome em desuso no Brasil para se referir ao ensino médio (an... resolvendo através do modelo estadunidense: high school). O item "potências" estava estruturado de forma a ter por conteúdo exponenciais e logaritmos, mas penso que será melhor mover para um título mais expressivo. Farei isso quando chegar lá, se ninguém começar a desenvolver o assunto antes. Penso que esse wikilivro preciso de uma certa reestruturação, de fato. Marcelo Reis 02:15, 20 Out 2004 (UTC)
Agora, quanto aos outros conteúdos: faltam álgebra linear e um melhor aproach em geometria. Teoria dos conjuntos é um tópico dado no ensino fundamental, mas no ensino médio uma revisão faz falta. Procurarei adicionar mais detalhes ao capítulo, como os conceitos de cardinalidade e aleph 0. O capítulo funções provavelmente precisará ser quebrado em dois. Fora isso, não consigo mais perceber conteúdos impróprios... Talvez uma mudança no nome do livro ajude a não deixar limites estreitos para seu desenvolvimento.Marcelo Reis 02:19, 20 Out 2004 (UTC)
Este livro, sinceramente, parece-me que tem para aqui uma "mixórdia" de conteudos que não estão muito ligados em grau de dificuldade... aí no brasil é assim que as coisas se dão?
Analizemos... eu estou no 10ºano (1º ano do secundário, o qual tem 3 anos ao todo). Dalí já dei quase metade do total dos assuntos: conjuntos, funções, potências (expoenciais), polinómios, probabilidades (probablística), geometria plana e geometria espacial... provavelmente já dei também relações mas agora não me recordo...
Conjuntos já dei há séculos! Potências há séculos já dei eu! Probabilidades e polinómios dei no ano passado... geometria fui dando ao longo dos tempos... Coisas que já ouvi falar mas que ainda não dei: complexos e imaginários, dá-se no 12ºano, segundo me contaram... e acho que é necessário ir primeiro aos radicais; logaritmos não faço a mínima ideia do que se trata! mas já ouvi falar, acho que vou dar este ano; progressões nunca tinha ouvido tal palavra; matrizes ainda não dei mas sei mais ou menos o que é; e vamos deixar por aqui que senão nunca mais saio daqui!
Estranhamente faltam as raízes, por exemplo, e equações também faltam, penso que seria util! A geometria pensei em separá-la de certa forma do resto, tipo um capítulo separado ou outro livro, mas acho que a segunda não é a ideal...
81.193.168.176 12:31, 4 Nov 2004 (UTC)(João Jerónimo) esqueci-me de fazer login, ehehe!
Bom, como diria Jack o Estripador, vamos por partes... ;-)
A estrutura do livro foi dada a mim "de presente" quando eu cheguei aqui, por um anônimo. Eu não tinha idéia sobre o quê escrever, e como sempre fui bom em matemática ("bom" no sentido, nunca tirei menos do que 7, mas nunca fui um prodígio, também) resolvi continuar o livro, ainda para não ter um livro inacabado, largado. Não está do jeito que eu acho mais adequado, ainda; por mim, por exemplo, não haveria apenas um nível de módulos no sumário (por exemplo, "Funções" teria 3 subcapítulos, "Funções Lineares ou do Primeiro Grau", "Funções Modulares" e "Funções do Segundo Grau").
Mas de modo geral, o conteúdo tem uma lógica, pelo que se ensina no Brasil. Uma boa maneira de verificar isso é comparar a sequência de capítulos com a sequência de tópicos listados em programas exigidos por vestibulares (concursos de admissão no ensino superior brasileiro). Veja-se por exemplo o conteúdo de Matemática pedido pela Unicamp (original em http://www.comvest.unicamp.br/vest2005/Programas2005.pdf , página 11):
  1. Conjuntos Numéricos
  2. Funções e Gráficos
  3. Polinômios com coeficientes reais
  4. Contagem e Introdução a Probabilidades
  5. Sistemas Lineares
  6. Geometria Plana
  7. Geometria Espacial
  8. Trigonometria
  9. Geometria Analítica
  10. Logaritmos e Exponenciais
Se você observar, é quase a mesma ordem que aparece aqui, principalmente se considerar ainda os subitens da lista, lá no PDF.
Concordo com a idéia de separar melhor a geometria, inclusive essa parte da Matemática é a mais interessante para um livro eletrônico (pelas possibilidades do uso de imagens e animações).
Enfim, creio que o livro pode ficar realmente bom, amplo, preciso, mas é um livro de construção demorada, um projeto mais ambicioso do que o que comumente se vê no Wikibooks inglês. Tenho muita expectativa quanto a esse livro. Marcelo R. 22:15, 6 Nov 2004 (UTC)
De acordo com essa lista já me parece mais lógico...
Cá em portugal penso que não há vestibulares, mas a matéria também se dá, claro! Temos que pensar sobre como vamos fazer as coisas para satisfazer tanto os programas do Brasil como os programas de Portugal, uma vez que estes podem ser bem diferentes, tal como aqui vimos... Poderemos partilhar capítulos entre dois ou mais livros, etc etc...
João Jerónimo 15:23, 7 Nov 2004 (UTC)
Mas o Ensino Médio/Segundo Grau a que anos de escola?
João Jerónimo 23:07, 7 Nov 2004 (UTC)

João, a adequação aos dois países pode ir sendo feita aos poucos... Você não teria um link para alguma página que descreva como é ensinada a matemática em Portugal? Acho importante desenvolver o conteúdo agora, e depois ir tratando dessas questões de seqüência e eventuais capítulos novos (realmente será preciso adicionar alguma coisa sobre equações e inequações). Marcelo R. 17:46, 7 Nov 2004 (UTC)
Já encontrei sobre o Ensino Secundário, mas parece-me que o Ensino Médio é outra coisa!
João Jerónimo 23:07, 7 Nov 2004 (UTC)
Só para esclarecer de maneira mais direta: o Ensino Médio, no Brasil, é formado pelos 3 anos que antecedem à faculdade. Os 8 anos anteriores ao Ensino Médio formar o Ensino Fundamental. Marcelo R. 04:23, 9 Nov 2004 (UTC)
Então é a mesma coisa que o Ensino Secundário!
Já agora, a maioria dos conteudos do Ensino Médio não são coisas novas, pois não? É que eu estou a achar estranho estudar-se potências nos 3 anos antes da faculdade! A não ser que seja só para relembrar...
E já descobri os documentos sobre o Ensino Básico (que corresponde ao Fundamental, ai no Brasil). João Jerónimo 15:43, 13 Nov 2004 (UTC)

Primeiro Grau[editar código-fonte]

Pelo título, Matemática Elementar, eu estava tratando estes assuntos como Matemática do (antigo) Primeiro Grau (inventaram algum nome novo idiota no Brasil, Ensino Fundamental ou Ensino Básico ou alguma outra baboseira semelhante). Talvez seja melhor redefinir isso, antes que fique inviável mover tudo. Albmont 13h58min de 19 de Maio de 2008 (UTC)

Não sei se entendi direito, mas poderíamos fazer o seguinte: Tratar o livro "Matemática elementar" como um livro sobre a matemática da educação escolar por inteiro e então separar o que diz respeito ao fundamental e ao médio por títulos de seção aqui no índice.
A propósito, recentemente dei uma organizada no livro e acrescentei um prefácio um pouco mais esclarecedor... Havia vários capítulos que não apareciam no índice, talvez agora esteja mais fácil de ter uma visão geral sobre a melhor forma de organizá-lo.
Se ainda tiver outras sugestões, é só avisar... Helder 22h32min de 23 de Junho de 2008 (UTC)

Fusões[editar código-fonte]

Relacionei algumas páginas que considero interessante fundir com os capítulos apropriados do "matemática elementar". A lista é a seguinte:

Os capítulos para onde me parecem adequadas as fusões aparecem nas próprias páginas acima. Alguma crítica ou sugestão sobre as propostas? Helder 22h41min de 23 de Junho de 2008 (UTC)

  • Por mim tudo bem. Aliás, seria interessante que alguns exercícios fossem resolvidos? Por exemplo, os exercícios pares teriam a resposta, os múltiplos de quatro teriam a resposta e a solução. Albmont 13h14min de 28 de Junho de 2008 (UTC)
    • Eu prefiro que todos tenham resposta... e que seja usado um recurso que permite mostrar/ocultar as respostas. Mas qualquer coisa resolvida já é de grande utilidade. Acho que quanto mais resoluções, melhor, pois exercícios não resolvidos é fácil para qualquer um encontrar por aí... Assim estaríamos um passo a frente. Helder 14h41min de 28 de Junho de 2008 (UTC)
      • Mas se todos exercícios forem resolvidos, a maioria dos alunos preguiçosos vai resolver de cabeça e depois checar se fez certo :-) Albmont 01h17min de 29 de Junho de 2008 (UTC)
        • Neste caso só quem perde são os preguiçosos... (Ruim para eles, bom para os que sabem estudar e fazer bom uso dos exercícios resolvidos!) Helder 23h53min de 30 de Junho de 2008 (UTC)
  • Talvez na época dos meus comentários anteriores eu não soubesse como usar os questionários, mas acho que com eles podemos sem dúvida alguma fornecer sempre as respostas, pois elas só serão visíveis depois de clicar em enviar. O que acham? Helder 21h11min de 8 de março de 2009 (UTC)

Meus parabéns pelo livro[editar código-fonte]

Vou comer virtualmente eles pra tentar tirar uma boa nota no enem 2009, isso sim é um mundo que me da orgulho e viver vou continuar minha contribuição em outras áreas wikis para retribuir o trabalho de voçês.Rautopia 01h46min de 29 de maio de 2009 (UTC)

Valeu Raul! Wink.png Helder 12h16min de 29 de maio de 2009 (UTC)

Mordendo os novatos (e nessa eu me incluo)[editar código-fonte]

Acrescentei, como comentário (invisível ao leitor, visível ao editor):

Atenção editores!!! Ao modificar a estrutura de capítulos deste livro é necessário atualizar o arquivo Predefinição:AutoNav/Matemática elementar. Se você não sabe como alterar a Predefinição, favor NÃO modifique a estrutura de capítulos; peça ajuda a algum editor experiente

Acho melhor evitar que outros cometam o mesmo erro que eu. Albmont (Discussão) 17h16min de 17 de setembro de 2009 (UTC)

Não foi erro não... Wink.png
Acho que é melhor fazer um pequeno ajuste, pois não há problema algum em modificarem a estrutura se lembrarem de avisar para a comunidade. Os que tiverem mais prática podem fazer a atualização da predefinição no lugar dos editores. Afinal, se ela não estiver funcionando, a única coisa que acontece é que a barra não exibe os links.
Mas acho que uma abordagem ainda melhor será alterar um pouquinho só o código da predefinição para que ela exiba um daqueles avisos que mordem até os experientes com suas letras vermelhas, dizendo:

Antes de usar {{AutoNav}} neste capítulo, atualize a lista de capítulos deste livro

Acho que dá para fazer (facilmente, espero) o aviso aparecer apenas no caso de alguém usar a predefinição em um capítulo que não esteja na lista. Helder 17h37min de 17 de setembro de 2009 (UTC)

Lista de colaboradores - 2013[editar código-fonte]

Assine se, e somente se, pretendes colaborar de forma contínua.

  1. Italotoffolo (Discussão) 01h43min de 3 de abril de 2013 (UTC)