Tornando-se profissional em Blender 3D/A Interface do Blender

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Modelagem de um personagem produzido no Blender3d - Esse, um dos criadores do Blender. Ton Roonsedall

O Blender possui uma interface gráfica bem distinta dos aplicativos para Windows. Após um breve tempo de uso é muito fácil se adaptar, compreender e até personalizar sua área de trabalho. Portanto, sua distinção dos outros não tem como motivo ser apenas diferente ou mais versátil, pelo contrário, ela foi criada para ser ajustável a qualquer necessidade do usuário.

Se você for novato em Blender, você terá que estudar e se familiarizar com a interface antes de começar a modelagem. Os conceitos da Interface do Blender foram desenvolvidos especificamente para criação de conteúdo 3D e a disposição destas variadas características são agrupadas diferentemente de outros programas de softwares 3D. No caso dos usuários de Windows, é recomendável iniciar compreendendo como é o uso do teclado e do mouse. Para isso cheque o tópico Sintaxe do Tutorial.

Esta diferença é uma das grandes forças do Blender. Uma vez que você compreende como trabalhar da maneira correta no Blender, você verá como é fácil trabalhar de modo rápido e produtivo. Algumas características são familiares, como a barra de menu superior "File", "Add"... a "Help". Entretanto, muitas outras características são completamente diferentes comparando com outros softwares 3D, entre elas:

  • As janelas do Blender não podem se sobrepor e se esconder, uma exceção é que há um pequeno número de pequenos painéis flutuantes, que são transparentes.
  • O Blender usa teclas de atalho para otimizar o trabalho.
  • Sua interface é criada inteiramente em OpenGL e cada janela pode ser movida, fechada e mesclada dentro de outras janelas.
  • sua tela pode ser organizada exatamente para seu gosto e para cada tarefa especializada e esta pode ser nomeada e salva.

Estes diferenças fazem o Blender uma aplicação original, poderosa e muito prática, basta entender e compreender sua interface.

A interface do Blender

O sistema de janelas do Blender é agradável. Eu sei, parece ser como algum painel de controle de nave espacial e você nunca viu nada parecido. Depois de compreende-lo, no entanto, você desejará que todos os seus programas trabalhem desta forma.

Conceitos para a Interface do Blender[editar | editar código-fonte]

A interface de usuário é o caminho para a interação entre o usuário e o programa. O usuário comunica-se com o programa através do teclado e do mouse, e o programa lê e executa os comandos.

A interface pode ser dividida em diversas áreas de janelas, em contextos, em painéis e em teclas (controles). Por exemplo, a janela de teclas contem as teclas de contexto que mostram grupos diferentes de painéis e dos painéis de grupos de cada tecla. Estas janelas principais são discutidas nas páginas seguintes.

texto adicional adaptado de Wiki Blender