Predefinição para informar dados sobre os livros

Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Editado por outro utilizador.
Última edição: 08h06min de 17 de agosto de 2016

Aquele texto que está no comentário não será inserido (eu coloquei nos exemplos pois ainda não tinha certeza de como a predefinição se chamaria). Acho que ficaria redundante demais ter um comentário exatamente igual ao nome da predefinição (que estaria na linha imediatamente a seguir).

Eu estava pensando também em usar "primeira letra" em vez de "ordem alfabética" no nome do parâmetro da predefinição, pois é mais descritivo e deixa bem claro o que deve ser inserido. Pessoalmente prefiro que seja sempre a primeira letra, mesmo que a primeira palavra seja do tipo que citou (Um, Uma, O, A, Introdução à ...), pois é menos sujeito a erros ou dúvidas ao incluir indicar o valor adequado do parâmetro (e permitiria que um script avisasse sobre a inclusão acidental de um caractere incorreto).

Além disso, para mim, quanto mais simples for descrever a regra geral, melhor, pois assim haverá a possibilidade de no futuro criarmos scripts que automatizem as partes das tarefas que se mostrarem mais repetitivas.

Quanto ao que o Albmont comentou, eu diria que a idade do leitor muitas vezes não estará muito relacionada ao grau de facilidade que o mesmo terá para ler certos livros. Há possibilidade de pessoas com idades bastante diferentes terem um mesmo nível de conhecimento, e assim ambas serem capazes de ler determinado livro. Por outro lado, as etapas do ensino pelas quais os estudantes passam mudam de nome conforme o país. Eu não sei dizer se é apenas o nome que muda. Alguém sabe se há uma correspondência exata de um lugar para outro? Se houver uma correspondência mais ou menos clara, bastará permitirmos que se usem sinônimos ao preencher os dados sobre o livro (embora para fins de categorização, haverá apenas uma categoria, com um dos dois nomes, para que os livros permaneçam agruados em um mesmo conjunto).

Uma alternativa à questão dos níveis educacionais serem dependentes do país é adotar o mesmo que o Wikibooks fez: indicar o que eles chamam de Reading Levels dos livros (níveis de dificuldade para a leitura dos mesmos), e descrever em algum lugar o significado de cada nível que for adotado por aqui. Outras sugestões? Questões?

Helder (Discussão) 23h29min de 21 de Maio de 2010 (UTC)11h08min de 18 de agosto de 2010
Editado por outro utilizador.
Última edição: 08h06min de 17 de agosto de 2016

Como referi acima, para diminuir a entropia, gostaria que fosse abordado um assunto de cada vez, convidando-os a aderirem ao mesmo procedimento. O compromisso é quando for preciso voltar ao princípio e fazer tudo de novo, faz-se. É o caso. Face às informações dadas, a situação é esta:

  • 1. Predefinição única
  • 1.1. Nome da predefinição: Ficha do livro
  • 1.2. Primeiro caracter do título:

Não dispensa a necessária, mas breve, explicação: Uma letra maiúscula entre A e Z ou algarismo entre 0 e 9

Fica bem assim?

Atenciosamente,

Virgílio A. P. Machado

Vapmachado (Discussão) 04h49min de 22 de Maio de 2010 (UTC)11h10min de 18 de agosto de 2010
Editado por outro utilizador.
Última edição: 08h06min de 17 de agosto de 2016

Boa notícia: não será mais necessário informar o primeiro caractere do título dos livros, pois encontramos uma forma automatizada para que a predefinição determine isso por conta própria. Smile.png

E quanto o nome da predefinição, acho que a escolha com mais apoio foi "Dados catalográficos" (Mário, Raylton, Helder), e não "Ficha do livro" (Virgílio e Helder), por isso eu mudei para "Dados catalográficos" quando coloquei o AWB para atualizar a sintaxe da predefinição. Tudo bem se for assim, Virgílio, ou vê muita desvantagem neste nome?

PS: Apesar de eu aceitar qualquer dos dois, ainda tenho leve preferência por "Dados catalográficos".

Helder (Discussão) 22h00min de 13 de Junho de 2010 (UTC)11h11min de 18 de agosto de 2010
Editado por outro utilizador.
Última edição: 08h06min de 17 de agosto de 2016

Helder, Cá por mim podem chamar-lhe como quiserem. Qualquer semelhança entre aquilo e dados catalográficos é pura e lamentável coincidência. Até prova em contrário, é um erro que devia ser evitado. Há certas coisas que não compete aos editores, maioria ou não, decidir o que é e o que não é. Há fontes próprias para isso, conforme mostrei acima. Dúvidas? É só ir a uma biblioteca, mostrar aquilo e perguntar: «Isto são dados catalográficos»? Fico à espera das respostas. :-)

Atenciosamente,

Virgílio A. P. Machado

Vapmachado (Discussão) 02h07min de 14 de Junho de 2010 (UTC)11h12min de 18 de agosto de 2010
Editado por outro utilizador.
Última edição: 08h06min de 17 de agosto de 2016

Acho que finalmente entendi o erro no uso que estive(mos) fazendo da expressão "dados catalográficos"... Confused.png

Mas como isso é fácil de mudar, assim que nos entendermos quanto ao melhor nome, coloco o AWB para funcionar outra vez... Para os demais, "Ficha do livro" é uma boa alternativa?

Helder (Discussão) 17h30min de 14 de Junho de 2010 (UTC)11h12min de 18 de agosto de 2010
Editado por outro utilizador.
Última edição: 08h06min de 17 de agosto de 2016

Desculpa a demora, mas é que eu estava realmente ocupado com outras coisas. Enfim... Conforme defendido pelo Virgílio acho que "Ficha do livro" é realmente uma melhor alternativa. Atenciosamente =D

Raylton P. Sousa qualquer coisa estou aqui! =D17h54min de 21 de agosto de 2010
Editado por 2 outros utilizadores.
Última edição: 08h06min de 17 de agosto de 2016

Yes check.svg Feito: a predefinição foi movida e os afluentes (índices dos livros) foram atualizados.

Helder (Discussão)00h48min de 27 de agosto de 2010