Logística/Movimentação de materiais/Equipamento/Equipamento de armazenagem/Equipamento de armazenagem de pequenas cargas/Equipamento stock-to-operator/Carrosséis/Carrosséis horizontais

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Um carrossel horizontal é constituído por uma série de caixas rotativas em prateleiras ajustáveis, conduzidas pelo topo ou pelo fundo por um motor.

A rotação ocorre num eixo perpendicular ao chão entre aproximadamente 24(metros/minuto) e 30 (metros/minuto).

Os artigos são retirados do carrossel pelos operadores que ocupam posições fixas na frente do carrossel. Os operadores podem ser responsáveis por controlar a rotação do carrossel. O controlo manual é feito através de um teclado que informa o carrossel para que posição e que deve rodar a seguir, e através de um pedal que permite a rotação do carrossel.

Os carrosséis também podem ser controlados através de computadores, neste caso as diferentes localizações são guardadas no computador e apresentadas automaticamente.

Um acessório conhecido é a instalação de um painel de luzes na frente dos carrosséis. O painel de luzes exibe luzes em cada nível do carrossel. A posição correcta da recolha dos artigos e as quantidades são visíveis no painel de luzes. Este mecanismo melhora significativamente a produtividade e a precisão das operações de armazenamento e recolha de artigos.

Uma opção de gestão dos carrosséis é o agendamento flexível dos operadores. Se um operador for atribuído a um carrossel, ele ou ela têm de esperar que o carrossel rode até à localização correcta entre as diferentes recolhas de material. Se um operador for atribuído a dois ou mais carrosséis, ele ou ela poderiam estar a recolher material de um carrossel enquanto outro carrossel rodava até ao artigo desejado.

É de recordar que o objectivo do stock to operator é manter os operadores ocupados a extraír os artigos. Os humanos são excelentes a recolher artigos, a flexibilidade dos nossos membros e músculos permitem esta capacidade. A procurar, esperar ou andar os humanos não são eficientes.

Os comprimentos dos carrosséis horizontais variam entre cerca de 5 metros a 33 metros aproximadamente, e as alturas variam entre cerca de 2 metros e 8 metros. A altura e o comprimento destas unidades são limitados pela capacidade de picking e restrições de infra-estruturas. Quanto mais comprido o carrossel, maior o tempo necessário, em média, para rodar o carrossel até à localização desejada. Também, quanto mais alto o carrossel, mais tempo será necessário para recolher os artigos. Alturas superiores a 2 metros necessitam o uso de escadas ou de braços robotizados em mastro vertical para aceder aos artigos.

De maneira a criar uma taxa elevada de picking, os carrosséis horizontais fazem um bom aproveitamento do espaço de armazenagem. Entre carrosséis adjacentes é necessário pouco espaço, e o único espaço perdido é entre secções paralelas de caixas no mesmo carrossel.

Uma desvantagem crucial dos carrosséis horizontais é a armazenagem de caixas estar exposta. Consequentemente, a segurança e protecção de artigos pode ser um problema.

Um carrossel horizontal twin-bin foi recentemente introduzido no mercado. No carrossel twin-bin, o mecanismo de transporte do carrossel tradicional foi dividido ao meio (verticalmente) e rodou 90º. Esta alteração permite mecanismos de transporte menos profundos, melhorando assim a densidade de armazenamento de pequenas peças (Tompkins et al., 2003, p. 272-274).