Civilizações da Antiguidade/As primeiras civilizações

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Ir para: navegação, pesquisa
As Primeiras Civilizações
ruínas de Ur


Em primeiro lugar precisamos saber o que se entende por civilização.

Vamos considerar algumas palavras como:

Civilização – civis = cidadão (latim)

Urbano – urbes = cidade (latim)

Político – polis = cidade (grego)

Então vamos definir que a civilização é a vida nas cidades.

Portanto vamos estudar as primeiras civilizações baseados nos povos que construíram e viveram em cidades, modificando o ambiente e criando pontes entre o próprio homem e a natureza.

Nos períodos Paleolítico e Neolítico certamente o homem construía seus abrigos, suas casas, mas ao que se sabe, nada de parecido com uma cidade.

Segunda alguns historiadores, a primeira cidade foi Kish, seguida por Eridu, Nipur, Uruk e Lagash, estas cidades teriam dado origem as primeiras civilizações, que habitavam a Mesopotâmia, esta palavra deriva do grego e significa terra entre 2 rios, estes 2 rios eram o Rio Tigre e o Eufrates. Por outro lado, escavações lideradas pelo arqueólogo James Mellaar, revelaram uma cidade mais antiga que Kish, o nome desta cidade é Katalhoyuk, e fica na Anatólia (atual Turquia) as origens desta cidade remontam a 9.000 A.C, e diferente de Kish e outras cidades, Katalhoyuk desenvolveu-se graças ao sal, e não a agricultura.

Babilonia

As grandes civilizações que habitaram a Mesôpotamia foram a civilização Suméria, Babilônica, Assíria e Acádia.

As cidades eram muradas e possuíam ruas, casas, prédios públicos, templos e palácios. Temos então, o homem causando modificações no ambiente natural, que podem ter sido intencionais ou não. Porem destas cidades (ou de grande parte delas) só sobraram ruínas abandonadas para contar a história.

Estas cidades eram construídas com tijolos e barros, existiam casas para ricos e pobres, e elas ficaram conservados sendo que até hoje podemos observar estas diferenças de modo que se pode saber que o centro da cidade era dedicado ao complexo real. Templos, palácios, residências de nobres e templos que ficavam longe do centro estavam nos Subúrbios, e mais distantes dos subúrbios estavam os bairros dos trabalhadores.

Ficheiro:Abu Mena, Egipto.JPG
ruínas de Abu Mena, Egito

de modo que se pode saber que o centro da cidade era dedicado ao complexo real. Templos, palácios, residências dos nobres e sacerdotes. Longe do centro, ficavam os subúrbios onde havia casas pobres e ricas e mais distante ainda ficavam os bairros dos trabalhadores.