Civilizações da Antiguidade/A metalurgia

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Ir para: navegação, pesquisa
Metalurgia


A pré história como a estudamos tem sua última fase na chamada idade dos metais.

Conhecer as técnicas de trabalhar os metais, mudou de maneira radical a vida do homem primitivo.

idade dos metais

Precisamos sempre ter em mente que os indícios em que os estudiosos se baseiam são muito poucos. O tempo trabalha contra, os artefatos degradam e não havendo nada escrito, o trabalho de pesquisa é imenso e complicado.

A idade dos metais é assim dividida:

  • idade do cobre – acredita-se que as fogueiras não seriam quentes o suficiente para derreter o cobre.

Talvez isso tenha acontecido em fornos para cerâmica.

Com o cobre o homem moldou belas esculturas e trabalhos de joalheria. O ouro, que também é um metal pouco duro foi bem trabalhado nessa fase.

ídolo de cobre

O cobre só não substituiu as armas e ferramentas feitas com a pedra, porque seu corte era de qualidade inferior. A pedra era mais dura e resistente.

  • idade do bronze – esse metal é uma mistura do cobre com estanho. Dois metais difíceis de encontrar, principalmente o estanho.

Como muitas outras descobertas antigas, é um mistério como o homem encontrou a maneira de fazer o bronze. Como misturou este metal com outros e como descobriu a temperatura com que se prepara a liga.

reconstituição de um forno da idade do bronze – museu em Salzburgo

Embora o bronze tenha sido ótimo para fazer armas e armaduras, isso ficava muito caro e seu uso constante acabou por esgotar as minas de estanho.

Assim, os homens tiveram que procurar esse metal em outros locais abrindo novos caminhos e conhecendo novas terras. dando (possivelmente) origem a colonização de outras partes do mundo.

  • idade do ferro – dentro dos estudos arqueológicos, esse é mais um tópico de difícil explicação.

Como os homens da época conseguiram misturar os minérios a uma temperatura absurdamente alta (talvez com o uso do carvão) de modo a conseguir fundir o ferro e como o descobriram são questões sem explicação.

punhal de classe alta – Espanha

Enfim, o fato é que com o ferro foi possível fazer mais armas e especialmente ferramentas de trabalho, como enxadas e arados, aumentando a produção agrícola. Com o ferro foram feitas panelas, facas e até enfeites, melhorando a culinária. As armas em geral tinham lâminas de ferro e cabos de bronze ou ouro.

As mudanças[editar | editar código-fonte]

A partir do momento em que o homem dominou o fogo, se tornou mais fácil fazer experiências com os metais no calor. O homem, já sedentário criando animais, trabalhando nas plantações, ganhou um enorme desenvolvimento com ferramentas e armas feitas de diversos metais.

moedas da era do ferro

Agora, até havia excedentes nas plantações e uma nova forma de representar figuras, as esculturas de metal. Trabalhos de ourivesaria e armas sofisticadas dignas de reis também eram produzidas.

Esse é o fim da idade da pedra e o início de uma nova fase.

A busca pelos minérios empurrou os homens através de rotas marítimas e terrestres, descobrindo coisas novas, acrescentando conhecimento.

Assim a metalurgia abriu as portas e a escrita marca o nascimento da história, que, sendo documentada passa a facilitar o estudo e a reconstrução das eras.