Audiodescrição de obras do Museu do Ipiranga/Q42713861

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Largo dos Remédios, 1862

Largo dos Remédios, 1862
 
Ficha catalográfica

Título: Largo dos Remédios, 1862
Identificador no Wikidata: Q42713861
Categoria no Wikimedia Commons: Category:Largo dos Remédios, 1862
Artigo na Wikipédia: Largo dos Remédios, 1862
Número de inventário: 1-19024-0000-0000
Criador(a): Benedito Calixto
Data: década de 1900
Coleção: Coleção Museu Paulista
Instância de: pintura
Material utilizado: tinta a óleo
Altura: 47,5 centímetros
Largura: 63 centímetros
Localização: Sala do Passado de São Paulo
País de origem: Brasil
País: Brasil
Gênero artístico: pintura histórica
Retrata: homem, casa, criança, pessoa, igreja, praça, século XX, São Paulo
Google Arts & Culture ID: UAHBgOqBIrt6tQ
Situação dos direitos autorais: domínio público
Descrito na URL: http://www.novomilenio.inf.br/santos/calixt49.htm

 
Audiodescrição

Edite a audiodescrição
A tela de 47,5 centímetros de altura e 63 centímetros de largura, pintada por Benedito Calixto, retrata um terreno de terra batida com algumas construções da década de 1900. Na parte inferior do quadro, feito com tinta a óleo, a terra em um tom marrom claro tem alguns focos de grama verde e algumas pedras também. A terra tem marcas de roda que levam a uma rua com casas. Há por volta de quatro casas nessa rua e as cores das fachadas variam entre branco e amarelo e os telhados são do mesmo tom de marrom. Algumas pessoas passeiam pela rua, duas estão no início dela e outras duas já mais distantes.

A Igreja de Nossa Senhora dos Remédios está posicionada no lado esquerdo da imagem, na esquina da rua onde estão os caminhantes. Ela tem uma grande porta principal, pintada em azul no centro da fachada, e outras duas menores, uma do lado direito e outra do lado esquerdo. Em cima delas, no segundo andar, estão dispostas cinco janelas. Mais ao topo, estão dois sinos e, no ponto mais alto da estrutura, está a cruz. Ao lado do templo cristão, há uma casa em tom rosado com uma porta e três janelas.

No lado direito da imagem, tem uma casa branca com uma porta no centro da fachada e duas janelas de cada lado. Uma mulher está na porta e uma outra pessoa na janela à direita. Ao lado dessa casa, há uma outra branca, essa última, de dois andares. No segundo andar, cinco portas dão passagem à sacada. Dois homens vestindo fraque e duas crianças estão na frente dessa casa. Por fim, a última casa pintada no quadro, aparece parcialmente: ela é amarela, tem uma janela na fachada e uma porta para a sacada no piso superior.