Suazilândia/Natureza

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ir para o capítulo anterior: Introdução Suazilândia Ir para o próximo capítulo: História

A Suazilândia localiza-se num terreno montanhoso no sul da África. A porção oeste do país é uma continuação da cordilheira Drakensberg sul-africana. Nessa região, situa-se o ponto mais alto do país: o Pico Emlembe, com 1 862 metros[1]. Deslocando-se para leste, as altitudes diminuem até darem origem a planícies no leste. O clima é temperado nas montanhas e subtropical nas planícies, com temperaturas ultrapassando os quarenta graus centígrados na primavera e no verão e descendo abaixo dos dez graus centígrados no outono e no inverno. As chuvas concentram-se na primavera e no verão e nas regiões mais altas. Os rios atravessam o país no sentido oeste-leste: os principais são o Komati, o Usutu e o Umbeluzi.

Mapa topográfico da Suazilândia
Rio Komati

A fauna do país foi devastada pela ação humana (caça e agricultura), restando ainda alguns poucos hipopótamos, leões, zebras, antílopes e macacos nos parques e reservas naturais. Árvores típicas do país são o baobá africano (Adansonia digitata), o mogno (Khaya sp.) e diferentes tipos de acácia.

Baobá africano (Adansonia digitata)
Reserva natural das Cachoeiras Phophonyane
Cachoeiras Mantenga
Estorninho-de-dorso-violeta (Cinnyricinclus leucogaster)
Turaco-de-livingstone (Tauraco livingstonii)
Lago com hipopótamus na reserva Mlilwane
Zebras na Suazilândia
Pica-pau-de-bigodes (Dendropicos namaquus) no parque nacional real Hlane
Babosa (Aloe arborescens)


Referências

  1. Almanaque Abril 2004. São Paulo: Abril, 2003. p.642