Psicologia/Friso cronológico

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox scales.svg A neutralidade deste módulo está em discussão. Pedimos que opine na página de discussão do mesmo.
Esta faixa deve permanecer até que haja uma definição. Favor não retirá-la sem que haja consenso!

Aqui são apresentados alguns dos acontecimentos mais importantes que ocorreram desde o primeiro sinal de surgimento da Psicologia, em 1860.

1860-1899[editar | editar código-fonte]

1860 Fechner publica o livro Elementos de Psicofísica
Gustav Fechner.jpg
1872 Darwin publica um estudo em que compara a expressão das emoções nos seres humanos e animais
Charles Darwin 1880.jpg
1879 Wundt cria o primeiro Laboratório de Psicologia Experimental na Alemanha
Wundt.jpg
1885 Ebbinghaus publica estudos sobre a memória
1890 William James publica a obra Princípios de Psicologia onde relata algumas das suas experiências
1892 Stanley Hall funda a Associação Americana de Psicologia

1900-1949[editar | editar código-fonte]

1900 Freud publica o livro A Interpretação dos sonhos onde expõem as suas moderníssimas concepções sobre Psicanálise
Sigmund Freud LIFE.jpg
1903 Thorndike publica A Psicologia Educacional onde expõem a Lei do Efeito
1904 Pavlov ganha o prêmio Nobel de Medicina
Ivan Pavlov nobel.jpg
1912 Alfred Adler publica Über den nervösen Charakter. Grundzüge einer vergleichenden Individualpsychologie und Psychotherapie (Do caráter nervoso. Bases para uma psicologia individual comparada e psicoterapia)
1913 Watson publica o artigo "A Psicologia tal como o behaviorista a vê"
1914 Adler funda a Revista de Psicologia
1925 Kohler publica A Mente dos Macacos (A inteligência dos antropóides)
1936 Anna Freud publica Das Ich und die Abwehrmechanismen (O ego e os mecanismos de defesa)
1938 Skinner publica O Comportamento dos Organismos
1938 Frederick S. Perls publica Ego, hunger and aggression (O eu, a fome e a agressção)

1950-1999[editar | editar código-fonte]

1950 Erikson publica o livro Infância e Sociedade
1953 John Bowlby publica Child care and the growth of love, sobre os processos de ligação da mãe ao bebé
1954 Allport publica A Natureza do Preconceito
1958 Erik H. Erikson publica Identity and the life cycle (Identidade e o ciclo da vida)
1960 C. G. Jung publica Praxis der Psychotherapie. Beiträge zum Problem der Psychotherapie und zur Psychologie der Übertragung (Prática da psicoterapia. Ensaios sobre o problema da psicoterapia e sobre a psicologia da transferência)
1960 Melanie Klein publica A Psicanálise das Crianças
1961 Carl R. Rogers publica On becoming a person (Tornar-se pessoa)
1961 Michel Foucault publica Histoire de la folie (História da Loucura)
1967 Piaget publica Seis Estudos de Psicologia
1970 Irvin D. Yalom publica The theory and practice of group psychotherapy (Teoria e prática da psicoterapia em grupos)
1970 Maslow publica Motivação e Personalidade
1971 Donald W. Winnicott publica Playing and reality O brincar e a realidade
1971 Allen E. Bergin e Sol L. Garfield publicam Handbook of psychotherapy and behavior change: an empirical analysis (Manual de psicoterapia e de mudança comportamental: uma análise empírica)
1975 Maria Selvini Palazzoli, Luigi Boscolo, Gianfranco Cechin e Giuliana Prata publicam Paradosso e controparadosso (Paradoxo e contraparadoxo)
1976 Paul Watzlawick publica Wie wirklich ist die Wirklichkeit? (Quão real é a realidade?)
1977 Donald W. Meichenbaum publica Cognitive-Behavior modification (Modificação cognitivo-comportamental)
1977 Irvin D. Yalom publica Existential psychotherapy (Psicoterapia existencialista)
1979 Aaron T. Beck, A. John Rush, Brian F. Shaw e Gary Emery publicam Cognitive therapy of depression (Terapia cognitiva da depressão)
1980 Steve De Shazer publica Putting Difference To Work (Trabalhando com as diferenças)
1983 Gardner publica A Teoria das Inteligências Múltiplas
1984 Kholberg publica A Psicologia do Desenvolvimento Moral
1998 Bandura Recebe o prêmio da Associação América de Psicologia pelo seu trabalho sobre aprendizagem
1998 António Damásio publica O Erro de Descartes

2000[editar | editar código-fonte]

2000 Carlson publica o livro Fisiologia do Comportamento
2000 Jeffrey E. Young, Janet S. Klosko e Marjorie E. Weishaar publicam o livro Schema therapy: a practitioner’s guide (Terapia dos esquemas: um guia para a prática)