Marcas nas fotografias de Werner Haberkorn/Praça da Sé - Inauguração da Catedral - 25-1-54 - S. Paulo - Brasil - Fotolabor - 211

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
< Marcas nas fotografias de Werner Haberkorn
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Praça da Sé - Inauguração da Catedral - 25/1/54 - S. Paulo - Brasil - Fotolabor - 211 (metadados).

Lista de marcas identificadas[editar | editar código-fonte]

  • MARTINI
  • Parquetina
  • Columbia
  • Cito Póx

Pesquisa sobre marcas[editar | editar código-fonte]

Martini[editar | editar código-fonte]

Com mercado em grande parte do mundo e sendo vendidas desde 1867 com início cidade de Nova York, nos Estados Unidos, o vermute MARTINI foi fabricado em Gênova e atingiu um grande número de vendas, sendo considerada a marca de maior exportador da região do Piedemonte.

É vendida até os dias atuais e recentemente, em 2013, comemorou seu 150° aniversário e lançou em comemoração um vermute que ficou em edição limitada apenas para mostrar o lado italiano da marca, com a composição visando o lado histórico da marca, desde a sua fundação até os tempos iniciais de venda, com dois extratos botânicos únicos e espelhando-se em uma receita de sucesso em 1904.

Com o grande sucesso da empresa ao longo de toda sua história, as receitas secretas continuam muito bem guardas e com o acesso limitadíssimo apenas a 3 dos misturadores da bebida, contendo mais de incríveis 40 espécies botânicas na produção. Esse fator explica bem como a marca foca em seu lado saboroso, charmoso e sofisticado.

O marketing e divulgações da marca se deram principalmente através dos carros de corrida e esportes de velocidade, adquirida por meio da "Martini Racing", onde a primeira parceria se deu em uma corrida esportiva de ciclismo, denominado "Gran Coppa" no ano de 1925 e realizado em Turim, na Itália.

Referências

http://mundodasmarcas.blogspot.com/2006/06/martini-taste-world-of-martini.html

Parquetina[editar | editar código-fonte]

Sendo comercializada inicialmente no ano de 1898, pela empresa Cia. Química Duas Âncoras, a Parquetina é uma cera formulada a base de cera de abelha, de carnaúba e parafina. Em 1966, com o grupo inglês Reckitt & Colmann assumindo a empresa, a Parquetina se tornou a cera mais vendida no Brasil.

A marca é vendida até nos dias atuais, nas versões pasta líquida e nas tradicionais cores laranja, amarela e vermelha.

Referências

http://almanaquedacuriosidade.blogspot.com/2012/10/parquetina.html

Columbia[editar | editar código-fonte]

Muito conhecida no mercado e dias atuais, a marca americana Columbia Sportswear Company tem como principal venda as roupas de aventura e esporte. Foi criada no ano de 1937 pelo casal Paul e Marie Lamfrom, que fugiram do regime nazista na Alemanha e foram para o estado de Oregon, na cidade de Portland.

Um fato curioso e que mostra também uma grande parte da cultura brasileira é que o fotógrafo responsável pelas imagens também migrou para o Brasil afim de fugir do regime nazista que predominava na Alemanha. A origem do nome se dá por uma homenagem ao rio Columbia, sendo ele o maior da América do Norte.

Atualmente, continua forte no mercado e realiza vendas nas plataformas online e também com presença física, sendo realizadas vendas em boa parte do mundo e também em lojas famosas no Brasil como, além de sua própria estrutura e site, lojas que comercializam seus produtos, principalmente através de lojas esportivas; Centauro é um grande exemplo no país.

Referências

http://mundodasmarcas.blogspot.com/2015/05/columbia-sportswear.html

Cito Póx[editar | editar código-fonte]

A Cito Póx foi uma marca que vendia produtos para a área de limpeza, tendo como principal nome seu saponáceo, usado como sabão. Atualmente restam poucas unidades, que são vendidas como antiguidades e os maiores interessados são colecionadores.

Referências

https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-708252475-saponaceo-cito-fechado-lotes-com-2-unidades-brinde-_JM

https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-729286115-saponageo-da-marca-cito-pox-_JM

Comentários sobre a fotografia[editar | editar código-fonte]

Werner Haberkorn mudou-se para o Brasil com o principal objetivo de saída da Alemanha, devido ao nazismo que predominava e crescia constantemente. Escolheu o Brasil para a realização de fotos com o objetivo de captar as maiores mudanças da capital paulista e também do Rio de Janeiro. Buscava, além de uma vida nova no país, trabalhar fotografando aquilo que acreditava ser uma grande e importante mudança nas capitais desses dois estados brasileiros.

A foto especificamente se trata sobre a inauguração da Catedral na Praça da Sé, na cidade de São Paulo. Foi realizada no ano de 1954 e mostra como a tecnologia evoluiu e transformou o local, que é bem diferente nos dias atuais, onde maior comprovação se dá principalmente nas propagandas e na própria estrutura do local.