Marcas nas fotografias de Werner Haberkorn/Banco do Estado e Edificio Martinelli S. Paulo Fotolabor 18

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
< Marcas nas fotografias de Werner Haberkorn
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Banco do Estado e Edificio Martinelli S. Paulo Fotolabor 18 (metadados).

Lista de marcas identificadas[editar | editar código-fonte]

  • Theodore Bloch Tecido

Pesquisa sobre marcas[editar | editar código-fonte]

Theodore Bloch Tecidos[editar | editar código-fonte]

Após uma exaustiva busca, encontramos alguns processos judiciais sobre a marca, mas não foi concedida autorização para acompanhar o andamento.

Comentários sobre a fotografia[editar | editar código-fonte]

Em suas fotografias, Werner Haberkorn trabalhava com as paisagens urbanas e possuía uma olhar direcionado para as áreas da cidade com maior carga simbólica. É possível perceber que ele levou em consideração a região central de São Paulo e como os modos de viver e morar estavam se transformando. A cidade estava se tornando mais vertical a cada dia, com a construção de novos edifícios. Os meios de transporte estava se modernizando, e gerando um imenso fluxo na cidade.

A imagem acima retrata o Banco do Estado e o Edífico Martinelli S. Paulo, e é interessante observar como Haberkorn era fiel ao seu foco: mostrar a grandiosidade de São Paulo. É possível perceber que ele brincava com os grandes prédios, colocando eles como grandes peças de um quebra cabeça que se encaixa perfeitamente.

         Assim, o autor das obras se utilizou de recursos fotográficos que mostrassem a grandiosidade da capital, entre eles: contraste de luz, recorte fotográfico em formato vertical e contraste entre a natureza e a urbanização.