Logística/Movimentação de materiais/Equipamento/Equipamento de contentorização e unitivo/Unificadores

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Segundo Tompkins et al. (1996, p. 175), existem outros equipamentos desenvolvidos para facilitar a formação e movimentação de unidades de carga.

A utilização de equipamentos de stretchwrap, shrinkwrap e cintar, asseguram que a composição da unidade de carga não se altere e desagregue, durante a sua movimentação. Os equipamentos de stretchwrap, shrinkwrap e cintar, são utilizados para unitizar a unidade de carga. O shrinkwrapping é a colocação de um saco de plástico, de grandes dimensões, sobre a carga, aplicando, posteriormente, calor e sucção para moldar o plástico à carga. O stretchwrapping envolve uma tela de plástico esticada, em torno da carga e podem ser aplicadas múltiplas camadas, para obter maior grau de segurança, face às condições ambientais (como a chuva, humidade, vento, entre outras) que podem danificar a composição e qualidade da carga. As cintas podem ser de aço, fibras e de materiais plásticos, e são utilizadas para compactar a unidade de carga.

As paletizadoras e despaletizadoras automáticas são utilizadas para empilhar e desconjuntar unidades de carga, respectivamente. As paletizadoras servem para conceber unidades de carga, paletizando os itens provenientes da linha de produção, ou de montagem, em conjunto com equipamentos de armazenagem de cargas (por exemplo: paletes), de acordo com padrões pré-especificados (Taylor, 2009, p. 7-11). Tipicamente, as paletizadores são equipamentos automatizados de alta velocidade, que possuem uma interface de controlo acessível para que os operadores possam facilmente controlar os processos de unitização. Segundo Tompkins et al. (1996, p. 176), as despaletizadoras têm a função de receber unidades de carga e desconjuntar a sua composição.