História do Brasil/O governo de Fernando Henrique Cardoso

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fernando Henrique Cardoso
Logomarca do governo de Fernando Henrique Cardoso

O governo de Fernando Henrique Cardoso (FHC) iniciou-se com forte apoio popular após sua eleição e depois de um período de hiper-inflação, uma verdadeira tormenta para a economia do país na época, que foi controlada pelo plano Real, implantado quando o mesmo era ministro da Fazenda do governo Itamar Franco.

O antigo ministro da Fazenda, Fernando Henrique Cardoso (PSDB) venceu as eleições de 1994. A partir de sua vitória iniciou-se uma série de ajustes na política econômica do Brasil. Em uma fase seguinte iniciou-se um processo de privatizações de várias empresas públicas brasileiras. Setores de base como transportes, energia foram parcialmente vendidos e o de telecomunicações foi totalmente privatizado, ficando, o estado, com as ações de supervisão dos serviços através de agências de regulamentação.

Em seu primeiro mandato, conseguiu maioria na câmara e no senado para uma mudança constitucional que viabilizou a reeleição para todos as instâncias do poder executivo. Quando, então, foi reeleito em 1998. Seu segundo mandato foi marcado por baixo crescimento econômico e crise do Plano Real, uma vez que diversas crises internacionais ocorreram no mesmo período e pelo fato de que as reformas necessárias para dar sustentabilidade ao plano econômico não haviam sido votadas.

Fernando Henrique Cardoso foi sucedido em 1 de janeiro de 2003 por Luiz Inácio Lula da Silva.


Nuvola apps kworldclock.png

Esta página é um esboço de História. Ampliando-a você ajudará a melhorar o Wikilivros.