História do Brasil/O governo de Eurico Gaspar Dutra

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Posse de Eurico Gaspar Dutra como presidente da república em 1946

Dutra candidatou-se pelo Partido Social Democrático (PSD), em coligação com o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), e venceu as eleições de 2 de dezembro de 1945, com 3.351.507 votos, superando Eduardo Gomes da União Democrática Nacional e Iedo Fiúza do Partido Comunista do Brasil. A escolha recaiu para vice-presidente o político catarinense Nereu Ramos, do PSD. Quando Dutra foi eleito, ainda vigorava a constituição de 1937. Assumiu a presidência em 31 de janeiro de 1946.

Dutra reforçou a aliança com Estados Unidos, a sua política comercial foi criticada pela má utilização das divisas acumuladas no curso da guerra. Deu prioridade a quatro áreas: Saúde, Alimentação, Transporte e Energia, que cujas siglas formam a palavra SALTE. O Plano SALTE foi o plano econômico de Dutra, mas fracassou.

O governo de Dutra iniciou a construção e inaugurou a ligação rodoviária do Rio de Janeiro a São Paulo, pavimentada, a BR-2, atual Rodovia Presidente Dutra. Durante o governo de Dutra, foram extintos os territórios de Ponta Porã e Iguaçu, surgiram o Conselho Nacional de Economia, as Comissões de Planejamento Regional e o Tribunal Federal de Recursos e foi elaborado o Estatuto do Petróleo. Dutra visitou os EUA em 1950 e proibiu os jogos de azar em 1946.

Em 18 de setembro de 1950 foi inaugurada a TV Tupi, a primeira rede de televisão do Brasil. Entre 24 de junho e 16 de julho do mesmo ano, o Brasil sediou a Copa do Mundo, com o Uruguai derrotando do Brasil na final.