Guia dos Trouxas para Harry Potter/Magia/Sensor de Segredos

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Sensor de Segredos

Visão Geral[editar | editar código-fonte]

O Sensor de Segredos é um objeto que detecta magia negra.

Descrição Estendida[editar | editar código-fonte]

Spoiler[editar | editar código-fonte]

Aviso aos Iniciantes: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

Hermione conta que o Sensor de Segredos pode detectar “azarações, maldições e feitiços de disfarce” portanto é útil para detectar uma quantidade bem grande de magia negra. O sensor pode ser operado por pessoas não mágicas; a primeira vez que o vemos está sendo usado por Filch, que é um Aborto. Hermione mais tarde diz, que o sensor não detecta poções do amor, porque não são magia negra; e essas poções podem ser disfarçadas colocando-as em vidros de perfume, não é necessário nenhum feitiço de disfarce.

Análise[editar | editar código-fonte]

As limitações dos Sensores de Segredos parecem ser, que eles só podem detectar o tipo de magia associada a segredos. Hermione comenta que o fato de colocar poções de amor em vidros de perfume, bastam para disfarçar sua natureza, isso é o bastante para entrar com elas na escola, e os sensores de segredos não vão avisar, porque não há maldição, nem azaração e nem feitiço de disfarce.

Hermione sugere que o colar amaldiçoado que Katie Bell usou, não passaria pelo Sensor de Segredos, mas não teve chance de explicar porque não. Se a afirmação dela for exata, entendemos que o Sensor iria perceber uma maldição escondida no colar.

Sensores de Segredos e suas limitações, são uma ilustração da forma como a autora cria o mundo mágico. Vamos ver também a existência do Honestímetro que é outra forma de detectar falsidade. Se fosse possível detectar a influência do mal com segurança, ou as ações dos bruxos malignos, a história seria muito frágil; se não há ameaças, não há história. A autora compreende que um escritor, criando um universo ficcional, deve dar a ele regras coerentes, e precisa manter tudo dentro dessas regras, não seria agradável para o leitor que o protagonista de repente tivesse uma habilidade que o fizesse ganhar tudo sem esforço.

Perguntas[editar | editar código-fonte]

Spoiler[editar | editar código-fonte]

Aviso aos leitores de nível intermediário: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

Visão Completa[editar | editar código-fonte]

Embora não saibamos quando a bebida que envenenou Ron entrou na escola, o Professor Slughorn sugere que ela era um presente de Natal para o Professor Dumbledore. Filch, já estava usando o Sensor de Segredos em outubro, e suspeitamos que ele não parou de usá-lo entre outubro e o Natal, uma vez que a idéia do Sensor era uma reação ao retorno de Voldemort, e não uma decisão arbitrária de Filch. É possível que a decisão de usar o Sensor tenha sido de Dumbledore. Mas, também é possível que a bebida tenha sido escaneada pelo Sensor de Filch quando entrou na escola, e passou como limpa. Poção não mágica em uma garrafa de bebida não ativaria o Sensor, assim como poção do amor num vidro de perfume. Portanto, o colar, como foi mencionado acima, teria sido encontrado, a bebida não seria.