Guia dos Trouxas para Harry Potter/Magia/Manticore

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Manticore
  • tipo = Criatura mágica
  • características = cabeça de homem, corpo de leão e cauda de escorpião
  • Aparece pela Primeira Vez = Animais Fantásticos e Onde Habitam


Visão Geral[editar | editar código-fonte]

O Manticore é uma das criaturas mais perigosas do mundo mágico. É uma criatura sensível, capaz de falar de modo inteligente, mas não pode ser classificada como um ser por causa de sua tendência à violência.

Descrição Estendida[editar | editar código-fonte]

Spoiler[editar | editar código-fonte]

Aviso aos Iniciantes: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

Um Manticore tem a cabeça como a de um ser humano, o corpo de um leão e a cauda de escorpião com uma bola na ponta coberta de dardos venenosos. Quando o Manticore sacode sua cauda, os dardos se espalham. O veneno é instantâneo e fatal. A criatura usa essa maneira para matar sua vítima, que então, ela devora cantando baixinho. A pele do Manticore repele todos os feitiços conhecidos.

Quando Harry, Ron e Hermione estavam pesquisando precedents legais para a defesa de Bicuço, no livro O Prisioneiro de Azkaban, eles encontram um caso em que um Manticore atacou alguém em 1296 e ficou livre... mas logo descobrem que foi porque ninguém teve coragem de se aproximar.

Num de seus artigos sujos, Rita Skeeter sugere que os Explosivins que Hagrid arranjou para sua aula de Trato das Criaturas Mágicas, em O Cálice de Fogo, bem poderiam ser o resultado de uma cruza entre Manticores e caranguejos de fogo.

Análise[editar | editar código-fonte]

Perguntas[editar | editar código-fonte]

Spoiler[editar | editar código-fonte]

Aviso aos leitores de nível intermediário: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

Visão Completa[editar | editar código-fonte]