Dinamarquês/Curso/Lição 2

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Lição 2: Verbos (Curso de língua dinamarquesa)

Os verbos em dinamarquês não se conjugam. Veja a tabela:

Pronome Verbo
Jeg (eu) er
Du (você) er
Han (ele)
Hun (ela)
Den/Det (neutro)
er
Vi (nós) er
I (vocês) er
De (eles) er

Infinitivo (Navnemåde)[editar | editar código-fonte]

O infinitivo dinamarquês é semelhante ao inglês. Para saber que o verbo está no infinitivo, põe-se uma partícula, o at (igual ao to do inglês). Geralmente, os verbos terminam em -e, como em at skrive (escrever), at læse (ler) e at glemme (esquecer), mas também há verbos com terminações diferentes, como at gå (ir), at dø (morrer), at bo (viver).

Imperativo (Bydemåde)[editar | editar código-fonte]

Para formar o imperativo de um verbo, tira-se o at e o e final do verbo no infinitivo. Exemplo: At spise (Comer) -- Spis! (Coma!) / At skrive (Escrever) -- Skriv! (Escreva!).

Conjugações[editar | editar código-fonte]

Presente (ou Presente Contínuo)[editar | editar código-fonte]

O presente é formado com a adição do -r ao infinitivo do verbo sem o at.

Exemplos:

  • Jeg spiser (Eu como / Eu estou comendo)
  • Vi sover (Nós dormimos / Nós estamos dormindo)
  • I skriver (Vocês escrevem / Vocês estão escrevendo)

Presente Perfeito[editar | editar código-fonte]

É formado com uso do verbo auxiliar har (ou er), seguido do particípio passado do verbo (tira-se o -e, e acrescenta-se o -t).

Exemplos:

  • Jeg har spist det (Eu tenho comido isto)
  • Jeg har været her (Eu tenho estado aqui)
  • Jeg er rejst (Eu tenho viajado)
  • Jeg er gået (Eu tenho andado)

Passado Perfeito[editar | editar código-fonte]

É semelhante ao presente perfeito. Somente troca-se o har pelo havde, e o er pelo var.

Exemplos:

  • Jeg havde spist det (Eu tinha comido isto)
  • Jeg havde været her (Eu tinha estado aqui)
  • Jeg var rejst (Eu tinha viajado)
  • Jeg var gået (Eu tinha andado)

Passado[editar | editar código-fonte]

É formado com a adição de -ede ou -te à forma básica do verbo.

Exemplos:

  • Jeg købte øl (Eu comprei cerveja)
  • Ringede du til mig? (Você me chamou?)

Futuro[editar | editar código-fonte]

É formado com o uso do verbo vil ou skal seguido pelo infinitivo do verbo.

Exemplos:

  • Jeg vil rejse til Polen (Eu viajarei para a Polônia)
  • Du skal få det i morgen (Você deve conseguir isso amanhã)

Verbos modais[editar | editar código-fonte]

Verbo Modal Dinamarquês Exemplo
Poder Kunne Jeg kan ikke huske det
Eu não posso me lembrar disto
Deveria Skulle Det skulle være forbudt!
Isso deveria ser proibido!
Querer Ville Jeg vil fortælle dig noget
Eu quero te falar algo
Dever Matte Du må ikke gøre det
Você não deve fazer isso
Dever Burde Du bør læse denne avis
Você deve ler este jornal
Ousar Turde Tør du prøve det?
Ousa tentar isto? / Atreve-se a tentar isto?
Estar com vontade Gide Hun gider ikke lave sine lektier
Ela não está com vontade de fazer sua tarefa

Diferentemente do inglês, os verbos modais podem ser conjugados, assim como no português.

Forma Passiva (Passivform)[editar | editar código-fonte]

Há duas formas de se apassivar um verbo: adicionando-se um -s ao verbo ou colocando o verbo at blive conjugado antes do verbo.

Exemplos:

  • Lysene slukkes (As luzes são apagadas)
  • Hunde skal føres i snor (Cães devem ser amarrados a uma coleira)
  • En kage bliver spist af drengen (Um bolo é comido pelo garoto)
  • En kvinde blev dræbt (Uma mulher foi morta)

Gerúndio (Lang Tillægsform)[editar | editar código-fonte]

O gerúndio (ou particípio presente) é formado com a adição de -ende à forma infinitiva.

Exemplos:

  • stå - stående (ficar de pé - ficando de pé)
  • løb - løbende (correr - correndo)
  • drille - drillende (aborrecer - aborrecendo)