Vale do Jequitinhonha/História

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
< Vale do Jequitinhonha
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
A tribo dos Botocudos foi uma das tribos que habitavam a região

Antes da ocupação europeia, a região foi habitada por diversas tribos do tronco macro-jê, como os botocudos e os aranãs. Em 1553 ou 1554, aconteceu uma grande expedição sob o comando de Francisco Bruzo de Espinosa, que atravessou o vale do rio Jequitinhonha. Em 1727, foi fundado o Arraial das Lavras Novas dos Campos de São Pedro do Fanado (hoje Minas Novas), uma das primeiras povoações da região. Todo o Médio e o Baixo Jequitinhonha pertenceu a este arraial.

Até o final do século XVIII, a região fazia parte da Capitania da Bahia, mas passou a fazer parte de Minas Gerais por causa da descoberta de diamantes no Tijuco (hoje Diamantina).

A mineração é uma das principais fontes de renda da região, com o garimpo no Médio Jequitinhonha. Recentemente, foi descoberta uma das maiores reservas de lítio do mundo, nas cidades de Itinga e Araçuaí.