Telecomunicações/Constituição física e a diferença entre antenas

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
< Telecomunicações
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Diferença entre antenas[editar | editar código-fonte]

As antenas parabólicas diferenciam-se por três fatores:

  1. Diâmetro da antena
  2. Material de confissão
  3. Tipo de estrutura

Há antenas de diâmetro que varia de 1,7 a 7 metros, são as chamadas antenas comuns. Dessas as mais utilizadas são as de 2,10 a de 2,85 metros para instalações domésticas e de 4,15 metros para sistemas coletivos.

O principio básico do funcionamento de uma antena parabólica, é a reflexão das ondas eletromagnéticas emitidas pelo satélite, para um pequeno foco determinado e conhecido, onde se instala o conjunto alimentador chamado LNB. Quanto mais precisa for a confissão da antena, melhor será a sua reflexão.


Constituição física[editar | editar código-fonte]

Uma antena parabólica é constituída por:

  • LNB
  • Braçal
  • Prato ou Tampa
  • Suporte


LNB - É um equipamento encontrado em antenas parabólicas usado para receção de sinais de satélites emitidos na faixa de frequência das ondas eletromagnética do tipo micro-ondas em duas bandas, geralmente Banda C e Banda Ku.

O LNB capta o sinal e faz uma redução de sua frequência para ser injetado no cabo coaxial que está ligado ao recetor. Geralmente, a faixa de frequência usado é a chamada Banda L correspondente a frequência em Banda C e/ou Banda Ku.

O princípio que rege o funcionamento eletrónico de um LNB é o do Super-heteródino.

Abreviatura Inglês Tradução
LNB Low Noise Block Converter Conversor de baixo ruido