Retórica e argumentação/Figuras de estilo/Entimema

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Existem duas concepções de entimema:

  • (1) Um silogismo (ou qualquer outra forma de raciocínio dedutivo) no qual uma ou mais premissas muito óbvias são omitidas.
  • (2) Um raciocínio que, apesar de não ser dedutivo - ou seja, as premissas não garantem necessariamente que a conclusão é verdadeira -, ainda assim, a conclusão é altamente provável ou plausível em vista das premissas.

Exemplo 1: "Sócrates é humano. Logo, ele é mortal."

Análise do exemplo: Este é um silogismo válido que omite uma premissa óbvia, "todos humanos são mortais".


Rekopis chopin.jpg Esta página é somente um esboço.
Ampliando-a você ajudará a melhorar o Wikilivros.