Medicina geral e familiar/Intervenções preventivas

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Conceito[editar | editar código-fonte]

As intervenções preventivas têm por objetivo a promoção da saúde e prevenção das doenças, o reestabelecimento da saúde e da funcionalidade e a redução do sofrimento.

Níveis de prevenção[editar | editar código-fonte]

As diversas intervenções de saúde podem ser classificadas segundo níveis consoante os seus objetivos:

  • Prevenção Primordial
  • Prevenção Primária
  • Prevenção Secundária
  • Prevenção Terciária
  • Prevenção Quaternária

Prevenção primordial[editar | editar código-fonte]

Objetivo: Evitar o estabelecimento de estilos de vida que aumentem o risco de desenvolver de doenças.

Exemplos: Legislação sobre restrição do consumo de tabaco, ...

Prevenção primária[editar | editar código-fonte]

Objetivo: Evitar fatores de risco, determinantes ou causais de doença.

Exemplos: Vacinação, toma de Ácido Fólico pelas grávidas, ...

Prevenção secundária[editar | editar código-fonte]

Objetivo: Detecção precoce de uma patologia em fase assintomática e posterior intervenção com vista à correção da situação.

Exemplos:

Rastreios
Orientações
Cancro da Mama feminina
  • Realizar a mamografia a mulheres com idades compreendidas entre os 50 e os 74 anos de 2 em 2 anos (Recomendação de Grau B - USPSTF (2009) [1] )
  • _
Cancro do Colo do Útero
  • _
  • _
Cancro do Cólon
  • _
  • _
Fenilcetonúria
  • _
  • _
Hipotiroidismo congénito
  • _
  • _
Catarata Congénita
  • _
  • _

Prevenção terciária[editar | editar código-fonte]

Objetivo: Limitar a progressão da doença, o aparecimento das suas complicações e incapacidade daí resultante. Promover a reabilitação com vista à reintegração e aquisição de funcionalidade.

Exemplos: Adaptação dos edifícios para o acesso a doentes com dificuldades sensoriais e motoras, Ajudas técnicas para a realização de Atividades de Vida Diária,..

Prevenção quaternária[editar | editar código-fonte]

Objetivo: Reduzir a iatrogenia das intervenções médicas nomeadamente a sobre-medicalização, a rotulagem ou os excessos "preventivos".

Exemplos: