Linux para iniciantes/Instalando programas/Java

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A instalação do Java no Linux é muito simples, basta utilizar os gerenciadores de pacote, como yum, apt ou urpm, e comandar (por exemplo, usando yum):

yum -y install java

O problema grave é que não adianta nada instalar deste modo, porque o java não estará funcional, ou seja, é preciso, agora, fazer com que o browser utilize o Java.

E este passo, que deveria ser automático, se tornou extremamente complicado, sendo necessários profundos conhecimentos tanto sobre o browser, como sobre detalhes do sistema operacional, para que funcione.

Por exemplo, para fazer o Firefox utilizar Java, supondo-se que o sistema operacional tenha sido instalado na versão de 64 bits, é preciso comandar, através do root, a instrução:

ln -s /etc/alternatives/libjavaplugin.so.x86_64

/usr/lib64/mozilla/plugins/javaplugin_oji.so

que cria um link simbólico entre a área de plugins do Firefox (o destino) e a área do HD onde o Java foi instalado (a origem).

Mas isto não é o bastante. Depois disto, é preciso ativar o Java, o que se faz através de outro programa, o Icedtea-Web. É preciso, portanto, instalar o icedtea-web (o que pode ser feito de forma simples, por exemplo, com "yum -y install icedtea-web"), e depois abortar e reiniciar o firefox.

Caso estes passos delineados acima tenham sido seguidos, para testar se o Java está funcionando no Firefox, pode-se utilizar um site que verifica isto:

firefox http://www.java.com/pt_BR/download/testjava.jsp &

Caso a mensagem seja que "seu java está funcionando", então houve sucesso na instalação do java. Se a mensagem for que o java não está funcionando, o jeito é apelar para o Papa.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Este tutorial foi escrito com base nas mensagens da mailing list Fedora-users-br


Nuvola apps konsole.png

Esta página é um esboço de informática. Ampliando-a você ajudará a melhorar o Wikilivros.