História do Brasil/O governo de Hermes da Fonseca

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hermes da Fonseca

Hermes da Fonseca assumiu a presidência em 15 de novembro de 1910, substituindo Nilo Peçanha. O seu governo enfrentou logo na primeira semana a Revolta da Chibata. Após o fim da revolta, começou a Guerra do Contestado, que não terminou até o fim de seu governo. No seu governo, foi criada a faixa presidencial.

Também houve a Política das Salvações, com o objetivo de promover intervenções federais nos estados de Pernambuco, Alagoas, Bahia e Ceará, alegando a prática de corrupção e colocando militares na chefia dos estados. Pela política, houve bombardeio em Manaus, ainda no governo de Nilo Peçanha e em Salvador.

Hermes da Fonseca prosseguiu o programa de construção de ferrovias, incluindo a ferrovia Madeira-Mamoré e de escolas técnico-profissionais.

Foi sucedido por Venceslau Brás em 15 de novembro de 1914.