Guia dos Trouxas para Harry Potter/Lugares/O Caldeirão Furado

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


O Caldeirão Furado
  • localização = Londres, Rua Charing Cross
  • residentes permanentes = Tom (o sobrenome é desconhecido)
  • Aparece pela Primeira Vez = A Pedra Filosofal


Visão Geral[editar | editar código-fonte]

O Caldeirão Furado é um pub dos bruxos muito popular em Londres. Alí fica a entrada para o Beco Diagonal. Durante a maior parte do século 20, o proprietário era Tom.


Descrição Estendida[editar | editar código-fonte]

Spoiler[editar | editar código-fonte]

Aviso aos Iniciantes: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

O pub foi construído por Daisy Dodderidge em 1500 "para servir de passage entre os mundos não mágico e o Beco Diagonal." Alí se pode alugar quartos, tem um bar, diversas saletas privadas, e um grande salão de jantar.

Para os Trouxas, o pub parece uma loja velha e abandonada de frente para Charing Cross Road. Os fundos do pub, no entanto, dão acesso a uma área fresca e para a entrada do Beco Diagonal. Para entrar, um bruxo ou bruxa bate em tijolos específicos na parede com sua varinha. Então uma porta se abre para o Beco Diagonal e depois que a pessoa entra no Beco, os tijolos voltam aos lugares para fechar o caminho.

Harry é reintroduzido no mundo mágico em seu 11º aniversário no dia 31 de julho de 1991, por Rubeus Hagrid. Uma parte muito importante dessa “volta” ao mundo mágico acontece quando ele entra no Caldeirão Furado escoltado por Hagrid. Harry fica envergonhado ao descobrir que havia sido famoso durante toda sua vida, e principalmente, que essa fama era por causa de algo de que ele nem se lembrava ter feito.

Harry passa os últimos quinze dias das férias de verão em seu terceiro ano de Hogwarts, vivendo no Caldeirão Furado. Isso ocorreu, aparentemente, para protegê-lo do assassino Sirius Black que escapou de Azkaban. Durante esse tempo, observando a clientele do Caldeirão Furado, Harry acredita ter visto uma feiticeira.

No sexto ano de Harry na escola, nos é mostrada uma lembrança de Dumbledore, na qual ele diz ao jovem Tom Riddle para perguntar ao proprietário do Caldeirão Furado como entrar no Beco Diagonal, e avisa que o nome do proprietário é Tom Como na série é sugerido que Tom Riddle nasceu no início de 1920, e na lembrança de Dumbledore ele deveria ter 11 anos, Tom deve ser o proprietário do pub desde mais ou menos 1930 e permaneceu lá até o fim da série em 1998. Se ele é o proprietário do Caldeirão Furado por sessenta anos quando Harry o vê pela primeira vez, não foi a toa que Harry o achou extremamente velho e o comparou a uma uva passa. Tom ainda está atrás do balcão no último livro da série, quando o Trio passa por ali a caminho do Beco Diagonal e do Banco Gringotes.

Análise[editar | editar código-fonte]

Como foi mencionado no artigo sobre o Três Vassouras em Hogsmeade, a vida nas aldeias britânicas e podemos dizer que, também nas cidades, acontece em torno dos pubs, “uma casa longe de casa”, para a maior parte dos cidadãos britânicos. Portanto, não é surpresa que exista um pub mágico em Londres; e também não é surpresa que o pub seja uma ligação entre os mundos, mágico e dos Trouxas. Os pubs quase sempre foram pontos de descanso das carruagens de cavalos, e também muitas vezes foram pontos de mudanças nas viagens; transformar um pub no ponto de transição da Londres Trouxa para a Londres mágica é uma simples extensão da vida real. Os bruxos precisam lugares onde possam se encontrar para conversar, sem que os Trouxas fiquem apavorados com suas ações, e qual o melhor lugar para isso do que um pub? E, assim como uma aldeia Trouxa com mil habitantes pode manter dois ou três pubs, achamos que a população bruxa de Londres pode manter o Caldeirão Furado e mais dois ou três. Como muitos pubs, o Caldeirão Furado serve como um local neutron. Harry acredita que viu, lá dentro, uma feiticeira, e mesmo sob o domínio dos Comensais da Morte, as pessoas continuam indo ao pub e Tom manteve o negócio.

Como foi mencionado no artigo do Cabeça de Javali, há pubs que são locais muito familiares e outros que servem de local para companhias menos agradáveis; o Caldeirão Furado é o local que serve às famílias dos alunos de Hogwarts quando, a cada mês de agosto, chegam para comprar seus materiais escolares. Mas, podemos imaginar que os negócios mais escusos são feitos nos cantos escuros, e nós não vemos.

Perguntas[editar | editar código-fonte]

Spoiler[editar | editar código-fonte]

Aviso aos leitores de nível intermediário: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

Visão Completa[editar | editar código-fonte]

A autora disse numa entrevista, após a publicação do sétimo livro que o pub foi comprado por Hannah Abbott que se casou com Neville Longbottom, professor de Herbologia em Hogwarts. Na nossa opinião isso não faz parte do cânone (do padrão) da história, e não há nada nos livros para confirmar; tudo o que sabemos sobre Hannah são os conflitos da sua família com os Comensais da Morte, e que ela fica extremamente nervosa na época dos exames. Como muitas outras coisas que surgiram depois da publicação, em entrevistas, parece que esse “fato” pode ter sido criado para agradar aos fãs.