Guia dos Trouxas para Harry Potter/Lugares/Academia de Magia Beauxbatons

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa



Academia de Magia Beauxbatons


  • localização =provavelmente no sul da França
  • residentes permanentes = Olympe Maxime
  • Aparece pela Primeira Vez = O Cálice de Fogo


Visão Geral[editar | editar código-fonte]

A Academia de Magia Beauxbatons é uma academia similar a Hogwarts. Acredita-se que está localizada em algum lugar na França. É comandada por sua Diretora Madame Maxime e tradicionalmente compete no Torneio Tribruxo contra Hogwarts e Durmstrang.


Descrição Estendida[editar | editar código-fonte]

Aviso aos Iniciantes: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

A primeira vez que ouvimos falar na Academia Beauxbatons, foi durante o tumulto depois da Copa do Mundo de Quadribol. Harry, Ron, Hermione, Fred, George e Ginny foram mandados para a floresta próxima para ficar fora da explosão de violência. À medida que se embrenham na floresta, encontram outro grupo de jovens que falam com eles em francês. Quando Harry responde em inglês, um dos jovens responde com desdém "'Ogwarts," e volta para junto de seus companheiros. Hermione comenta que eles devem pertencer à escola de magia francesa. Isso é uma surpresa para Harry; pensar que devem existir escolas de magia e bruxaria em outros países não tinha passado pela cabeça dele.

Os estudantes de Beauxbatons que iam participar do Torneio Tribruxo, chegam em 30 de outubro, numa carruagem do tamanho de uma pequena casa, puxada por um grupo de enormes cavalos alados. A única aluna de Beauxbatons que ficamos conhecendo é Fleur Delacour que termina sendo a Campeã de Beauxbatons. Também conhecemos a Diretora, Madam Maxime.

Quando os cavalos são atrelados à carruagem no final do ano e o grupo de Beauxbatons vai embora, essa escola não mais retorna à nossa história. A carruagem e a Diretora voltam, no entanto, porque sabemos que Madame Maxime acompanhou Hagrid numa missão à casa dos gigantes, após o final do ano letivo. Depois, ela retorna de carruagem para comparecer ao funeral de Dumbledore (livro o Enigma do Principe capitulo 30).

Nos filmes, Beauxbatons é representada como uma escola para meninas, mas nos livros está claro que os meninos também freqüentam a escola – é um rapaz que sai da carruagem para abaixar os degraus, por exemplo. No Baile de Inverno, Parvati Patil e sua irmã Padma acabam dançando com rapazes de Beauxbatons, enquanto Ron e Harry ficam desapontados.

Fleur Delacour comenta numa altura, durante o sexto ano de Harry, que os alunos de Beauxbatons fazem seus primeiros exames no seu sexto ano, ao contrário dos alunos de Hogwarts que fazem seus exames N.O.M.s no quinto ano.

Análise[editar | editar código-fonte]

Curiosamente, a revelação de que existem outras escolas de Magia além de Hogwarts é uma surpresa para os leitores. Uma vez que sua existência é revelada, no entanto, se torna óbvio que tem que existir escolas de Magia em outros países; não vemos em Hogwarts, pessoas que não tenham vindo das Ilhas Britânicas, tem que haver outros lugares para os bruxos e bruxas de outros países europeus estudarem. Ao mesmo tempo, tem que existir uma escola para os bruxos norte americanos; a autora, depois de alguns anos da publicação da série original, identificou a escola norte americana como Ilvermorny. No site Pottermore, ela conta como é a escola e que está localizada em Mount Greylock no atual estado de Massachusetts.

Nós ficamos imaginando muita coisa sobre a qualidade do ensino em Beauxbatons; a campeã escolhida pela escola, Fleur Delacour, ficou num simples quarto lugar, sendo facilmente derrotada, não apenas por Cedric Diggory e Viktor Krum, mas também por Harry, a quem Fleur se referiu como um “garotinho”.


Perguntas[editar | editar código-fonte]

Spoiler[editar | editar código-fonte]

Aviso aos leitores de nível intermediário: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

Visão Completa[editar | editar código-fonte]