Guia dos Trouxas para Harry Potter/Livros/O Cálice de Fogo/Capítulo 5

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.


Capítulo 5
As “Gemialidades” Weasley[editar | editar código-fonte]

spoiler[editar | editar código-fonte]

Aviso: Seguem detalhes do enredo.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Harry chega à Toca, a casa da família Weasley, e é apresentado a Bill e Charlie, os dois irmãos Weasley mais velhos. Charlie trabalha com dragões na Romênia, enquanto Bill, que já foi monitor em Hogwarts e agora trabalha para o banco Gringotes no Egito, foi uma surpresa para Harry, ele usa rabo de cavalo, um brinco na orelha (com um canino pendurado) e botas de couro de dragão.

Fred e George levaram uma chamada de seu pai por causa de terem deixado cair um caramelo incha-língua, aparentemente de propósito. O primo de Harry, Dudley ficou com a língua enorme de comprida. Mrs. Weasley entra na bronca perguntando se aquilo tinha a ver com as gemialidades Weasley. Hermione e Ginny entram na cozinha atrás de Mrs. Weasley; Hermione, para evitar a briga de família, sugere que eles mostrem a Harry onde ele vai dormir.

No caminho para o quarto de Ron, Ron e Hermione explicam a Harry sobre as gemialidades Weasley, que são logros e brincadeiras mágicas que os gêmeos inventaram. O que estava acontecendo na cozinha era uma luta constante, porque Mrs. Weasley quer que os gêmeos trabalhem no Ministério da Magia, mas eles querem abrir sua própria loja de logros.

O quarto de Ron é o mesmo de dois anos atrás, exceto pela nova coruja, dada a ele por Sirius, que pula agitada na gaiola. Ginny deu o nome de Pichitinho, que Ron diminuiu para Pichi. Quando a briga entre Mrs. Weasley e os gêmeos aparentemente termina, Harry, Ron, Hermione e Ginny voltam para a cozinha, onde tem que ouvir um bocado de resmungos de Mrs. Weasley sobre Fred e George, enquanto ela prepara o jantar. Do lado de fora, Charlie e Bill estão fazendo as mesas de jantar lutarem uma contra a outra e Bichento está caçando gnomos. Conforme a noite cai, os Weasleys, Harry e Hermione aproveitam um jantar maravilhoso no jardim, com sorvete de morango feito em casa de sobremesa. A conversa à mesa é variada e vai da próxima Copa do Mundo de Quadribol, à aparência pessoal de Bill, como está Sirius, uma bruxa do Ministério chamada Bertha Jorkins que está desaparecida, um evento secreto que Percy comenta, esperando que alguém pergunte o que é, para que ele se recuse a dizer e aumente sua própria importância.

Análise[editar | editar código-fonte]

A história avançou muito pouco nesse capítulo. Muito tempo foi gasto para voltar à atmosfera da Toca, a casa da família Weasley, e marcar o contraste entre desmazelada e agradável convivência ali, com o distanciamento anti séptico dos Dursleys. Essa também é a primeira ocasião que toda a família Weasley é vista junta, e as diferenças entre os sete irmãos são evidentes. Os mais informais Bill e Charlie, mostrando um senso de humor semelhante ao dos gêmeos, quando são vistos fazendo as mesas brigarem, são um forte contraste com o autoritário Percy, cuja personalidade formal e mandona irrita seus irmãos. Ron nem tão bagunceiro e nem calmo demais, em geral se sente oprimido e intimidado pelos seus irmãos mais velhos tão talentosos. Ginny, sendo a mais nova e única menina, consegue desenvolver suas próprias habilidades mágicas e personalidade forte embora seja muito protegida pela família, talvez se sinta um tanto isolada sendo a única menina da família.

Aqui, somos introduzidos às Gemialidades Weasley. Os gêmeos estão planejando abrir sua própria loja de logros, assim que terminarem em Hogwarts, embora Mrs. Weasley, que sempre está brigando com eles por perderem tempo com essas bobagens e pegadinhas, desaprove totalmente a idéia. Ela não consegue reconhecer seus talentos especiais e suas habilidades empresariais, ao invés disso, ela quer que eles tenham uma ocupação mais convencional e segura.

(Para os leitores norte americanos e internacionais, explicamos que um "wheeze" pode ser um jogo, brincadeira; a idéia é que você ria tanto e por tanto tempo que vai ficar arquejando “wheezing”. Daí o nome Weasley`s Wizard Wheezes.)

Há algumas confirmações de alguns acontecimentos do sonho de Harry do capitulo 1 desse livro. Especificamente quando falam sobre Bertha Jorkins, uma bruxa que trabalha para o Ministério da Magia, e que não retornou de suas férias na Albânia. Bertha apareceu no sonho de Harry, ainda que Harry não consiga lembrar disso; e Albânia foi mencionada antes, tendo ligação com Voldemort. Isso é uma indicação que Voldemort está vivo como uma entidade separada, e que, como foi previsto, Rabicho voltou ao seu serviço.

Perguntas[editar | editar código-fonte]

Revisão[editar | editar código-fonte]

  1. Por que Ron se sente oprimido por seus irmãos, enquanto que Ginny, aparentemente não se sente assim?
  2. A qual segredo Percy parece estar se referindo? Por que ninguém pergunta a ele o que é?
  3. Por que Mr. Weasley está tão zangado com a pegadinha dos gêmeos?
  4. Por que Bertha Jorkins estará sumida? Alguém está preocupado? Explique.

Estudos Adicionais[editar | editar código-fonte]

  1. Tem apenas dois dias desde o “sonho” de Harry, e o nome de Bertha Jorkins, foi mencionado nesse sonho, foi comentado que ela estava na Albânia e agora está sumida. Recordando o final do livro dois, as fontes do Professor Dumbledore, disseram que Voldemort estava se escondendo na Albânia. Por que Harry não conseguiu recordar seu “sonho” mais rápido?
  2. Por que Mrs. Weasley é tão contra que os gêmeos abram sua própria loja de logros? Será que trabalhar para o Ministério da Magia, como ela deseja, é a melhor opção de carreira para eles? Explique
  3. Por que Mrs. Weasley implica com a aparência de Bill?
  4. Faça comparações e contrastes entre as personalidades dos Weasleys. Como comparar Ron com seus irmãos?

Visão Completa[editar | editar código-fonte]

Spoiler[editar | editar código-fonte]

Aviso aos leitores de nível intermediário: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

A conversação à mesa é curiosa porque é presságio de acontecimentos desse livro, e, de certa forma, de futuros livros. A briga de Mrs. Weasley com Bill por causa de seu cabelo longo prossegue, até que ele o corte, no livro sete, em seu casamento. Harry, porém desconfia, que assim que Bill estiver fora do alcance de sua mãe, seu cabelo vai crescer novamente. Percy, enquanto isso, está aparentemente “escondendo” algum segredo, mas parece que ele está louco para que alguém pergunte do que se trata, apenas para poder aumentar seu status e se recusar a responder. Mais tarde ficamos sabendo que vários personagens à mesa já sabiam o segredo, especialmente, Mrs. Weasley, Charlie e Bill. Chegamos à conclusão que Mr. Weasley foi quem deu a eles a informação, como vamos descobrir mais tarde, que veio do Ministério. É interessante observar o contraste, como Percy lida com essa informação confidencial e como outros membros de sua família o fazem. O segredo em questão é o Torneio Tribruxo, uma competição perigosa que acontecerá depois de muitos anos. Ela vai ser o eixo em que gira o livro todo, envolvendo Harry numa trama perigosa.

A conversa sobre Bertha Jorkins, como foi mencionada, de alguma forma confirma para nós, que o sonho de Harry na verdade refletiram os acontecimentos reais. Vamos descobrir que Pettigrew, levou Bertha até a Albânia, onde ela foi morta por Voldemort. Antes de morrer, ela revelou informações sobre o Torneio para Voldemort, e também revelou que um devoto fanático, Comensal da Morte, Barty Crouch Jr. escapou de Azkaban. Bertha contou também que as autoridades acreditavam que Barty estava morto, onde ele estava escondido, e o que seria necessário para fazer com que ele pudesse executar o plano de Voldemort para capturar Harry.

Sirius está um tanto longe. Como foi mencionado, suas últimas mensagens foram entregues por pássaros tropicais. Harry enviou a ele uma carta contando sobre a dor em sua cicatriz, e logo que recebe a carta, Sirius volta a Inglaterra, contra a vontade de Harry. No entanto, o local onde Sirius está, permanece desconhecido até que ele arranje um encontro com o Trio fora de Hogsmeade.

A loja de logros dos gêmeos estará funcionando com toda pressão no sexto ano de Harry. Foi mencionado sobre os gêmeos, cada um conseguiu apenas poucos N.O.M.s (mais tarde foi revelado que cada um conseguiu três). Mas nós vamos ver através desse livro, e do próximo, que os gêmeos são extremamente bons na prática, criando e vendendo materiais mágicos de apreciável qualidade. De fato, algumas de suas criações mágicas são tão boas que o Ministério as compra para proteger bruxos menos hábeis. Harry, Ron e Hermione também vão usar as criações dos gêmeos durante a parte final da série.

Conexões[editar | editar código-fonte]

  • O cabelo de Bill é o desespero de Mr. Weasley, assim como tem sido de muitas outras mães com filhos de cabelos longos. Ela não vai comentar nada sobre isso com Bill, durante a visita a Hogwarts, provavelmente porque ela está presente para ver Harry competir na Terceira Tarefa, mas convence Bill a cortar o cabelo para o seu casamento no sétimo livro.
  • Nós vimos no capitulo anterior objetos mágicos criados pelos gêmeos, agora sabemos que eles são a base da carreira que eles escolheram, inovadores no campo dos logros mágicos. As Gemialidades Weasley (Weasleys' Wizard Wheezes), serão uma história paralela durante esse livro, e o teste dos produtos para a loja deles, será uma parte da história do próximo livro, bem como um motivo de atrito entre eles e Hermione. A loja propriamente dita será inaugurada e vamos ver isso no próximo livro, ao mesmo tempo em que vamos ficar sabendo que alguns dos produtos Weasley são usados pelo Ministério na luta contra os bruxos do mal.