Gatos e suas peculiaridades/História felina

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Os gatos descendem do proailurus, um mamífero que vivia na nossa Terra há 20 milhões de anos. Os gatos domésticos são membros da família Felidae.

Os seres humanos cruzaram variadas espécimes para criar o gato doméstico, menor e menos agressivo do que os gatos selvagens.

Quando as pessoas passaram a viver em sociedades sedentárias, eles tinham que praticar a agricultura para comer melhor. Eles precisavam armazenar os produtos para que não estragassem e para que podessem usufruir deles por mais tempo. Porém eles tinham um grande empecilho: os ratos! Eles destruíam as plantações, invadiam os celeiros e comiam tudo! E ainda se multiplicavam como praga! E aí entram os gatos. Os seres humanos usavam os gatos para matar os ratos. Os seres humanos se livravam dos ratos, e os gatos garantiam a refeição do dia! Os egípcios veneravam os gatos como deuses. Havia até uma lei proibindo que eles fossem exportados. Mas eles foram exportados de forma ilegal até a Pérsia, onde passaram a ser venerados (também!). Mas infelizmente, chegou a idade média e os gatos foram associados a bruxaria e queimados na fogueira! Mas quando terminou a Idade Média, esses preconceitos foram sendo abandonados. Variadas pessoas passaram a adotar gatos como animais de estimação. Alguns gatos até foram usados como animais de luxo. E foi assim que surgiu o pedigree.

Referência: https://pt.wikipedia.org/wiki/Gato#Hist%C3%B3ria_e_domestica%C3%A7%C3%A3o