Gamão/Introdução

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Gamão é um jogo de tabuleiro para dois jogadores que envolve elementos tanto de estratégia quanto de sorte (pois os movimentos são limitados pelos resultados obtidos no lançamento de um par de dados).

É também um jogo de corrida, pois o objetivo é completar uma certa tarefa antes que o adversário complete a sua própria tarefa, praticamente idêntica e simétrica; no entanto cada um dos jogadores acaba por interferir no andamento da tarefa do adversário ao movimentar suas próprias peças. É possível adotar estratégias agressivas (voltadas a prejudicar o adversário e dessa forma obter vantagem sobre ele) e defensivas (voltadas a se proteger de eventuais ataques do adversário), bem como várias combinações desses dois extremos.

Por fim, o Gamão é também um jogo de informação perfeita, pois todas as informações de interesse para os jogadores estão sempre disponíveis para ambos; não há cartas a ser mantidas ocultas, por exemplo.

Existem muitas variantes. Uma delas, o Chouette, pode ser jogada por grupos de mais de duas pessoas.

Material mínimo

  • Tabuleiro específico com 24 casas. Há formatos e desenhos tradicionais, mas a rigor não é necessário se ater a eles. As casas podem ser numeradas ou não; novamente, isso não faz diferença para a mecânica de jogo.
  • Dois dados comuns de seis faces
  • Trinta peças (tradicionalmente cilíndricas) para ser colocadas nas casas durante o jogo; deve haver duas cores distintas, cada uma com quinze peças. Não há uma preferência nítida por quaisquer duas cores específicas, nem mesmo uma recomendação forte de que uma seja mais clara do que a outra (embora geralmente seja esse o caso).

Material recomendado

Em campeonatos é comum esperar que, além do material mínimo, os jogadores também tenham acesso a copos de dados (para facilitar o arremesso dos dados); a um segundo par de dados (pelo mesmo motivo); e a um dado de apostas (também chamado de "cubo" ou de "dado de dobra"), que vem a ser um cubo comum com faces numeradas com as seis primeiras potências de dois (2,4,8,16,32 e 64).