GNU Health/Controle de Produtos e Serviços

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
< GNU Health
Ir para: navegação, pesquisa

Produtos[editar | editar código-fonte]

Básico Sobre Produtos[editar | editar código-fonte]

Semelhante a um partido o produto é um conceito básicos de dados no Tryton. Sempre que precisar de um determinado produto no GNU Health, este produto deve ser criado e configurado no módulo Produto.

Existem três tipos diferentes de produtos:

  • Bens
  • Produtos
  • Serviços

O tipo irá determinar as abas e os campos disponíveis no formulário Produtos.

Cada produto pode ser atribuído a uma categoria e pode ter uma ou mais variantes.

Os produtos são a entidade básica para a criação de faturas. Por isso, todo produto precisa de uma lista de preços ', um preço de custo e uma unidade de medida (UM) para o cálculo de custos.

Básico sobre Variantes[editar | editar código-fonte]

Na metade inferior do formulário Produtos existem caixas de seleção para especificar o tipo de produto no contexto da seção Saúde:

  • Medicamento
  • Suprimento Médico
  • Vacina
  • Cama
  • Plano de Seguro

Criando novos produtos de medicação[editar | editar código-fonte]

IMPORTANTE: Os produtos de medicação GNU Health devem sempre ser criados na seção principal de produto "Tryton" antes que eles possam ser importados para os medicamentos no GNU Health.

  1. Cada produto pode ser adicionado individualmente ou uma gama de produtos que podem ser carregados por meio de um arquivo CSV.
  2. O produto deve ser descrito e orçado como unidades de dosagem individuais que são dispensados​/administrados a pacientes. Por exemplo, a cápsulas de amoxicilina 500mg (UM=cápsula), Amoxicilina 250mg/5ml líquidos por via oral (UM=ml), frascos de 600mg benzilpenicilina (UM=frasco).
  3. O intervalo de novos valores "UM Padrão" terá de ser criado para unidades de dose de medicação (comprimido, cápsula, ml, frasco, etc.).
  4. Sempre marque a opção "Consumível", "Medicamento" e as caixas "Compráveis".
  5. Quando a caixa "Comprável" está marcada uma nova aba será aberta, permitindo a criação de "Fornecedores" para um determinado produto. Configure qualquer número de fornecedores para anexar ao produto.
  6. Adicione uma "Categoria", como "Medicamentos" ou "Medicamentos/Medicamentos essenciais pela OMS".

Após esta configuração inicial agora é possível criar/importar o produto de medicamento para a seção de configuração do módulo GNU Health - Saúde/Configuração/Medicamentos.

Digite algumas letras do produto a ser importado a partir da seção principal do produto "Tryton".

Adicionar a categoria farmacológica - neste caso "Antibacterianos".

Adicionar a configuração de Aviso de Gravidez para aquelas medicações em particular. Esta configuração irá disparar uma mensagem quando for prescrita a pacientes do sexo feminino com idade entre xx anos e yy anos.

Adicionar o "Componente Ativo" da medicação. Este deve ser inserido com referência à lista de medicamentos essenciais da OMS.

Categorias[editar | editar código-fonte]

As categorias são usadas para agrupar produtos similares. Você pode criar, editar ou excluir categorias na seção Produto → Categorias.

Categorias típicas no GNU Health podem ser:

  • Serviços de Imagem
  • Seguros
  • Serviços Laboratoriais
  • Medicamentos

Para ver todos os produtos de uma determinada categoria abra exibição de lista Categorias e clique duas vezes na categoria que está interessado.

Faturamento de Pacientes[editar | editar código-fonte]

Passo 1: Lista de Serviços de Saúde a ser faturado[editar | editar código-fonte]

GNU Health 2.8: Formulário de Serviços de Saúde

Para faturar do paciente a internação, exames, tratamentos, medicamentos, itens descartáveis, ​​etc., você precisa criar um novo registro na seção Saúde → Serviços de Saúde → Serviços de Saúde.

Um registro Serviços de Saúde é composto pelos seguintes dados:

  • Paciente
  • Data
  • ID (definida automaticamente)
  • Descrição (por exemplo, "A avaliação médica e prescrição")
  • Fatura para: O destinatário da fatura (o que não é necessariamente a mesma coisa que paciente). Uma vez que este é uma ligação para um Partido você pode gravar não só conta de pacientes ou pessoas mas também as instituições.

Na seção Linha de Serviço você adiciona os produtos e serviços a serem cobrados. Cada linha de serviço consiste nos seguintes campos:

  • Fatura
  • Produto
  • Descrição
  • Qtde: a quantidade
  • A partir de
  • Para

Passo 2: Criar a fatura[editar | editar código-fonte]

GNU Health 2.8: Diálogo de criação da fatura de serviços de saúde

Quando o registro de Serviços de Saúde estiver completo, clique no botão Ação na barra de ferramentas e escolha o comando Criar Fatura de Serviços de Saúde. Uma caixa de diálogo aparecerá perguntando se você deseja criar uma Fatura com base nas informações que você inseriu no registro de Serviços de Saúde. Clique no botão Criar Fatura.

Coisas que podem dar erro neste ponto:

  • Se você receber a mensagem de erro "Não há Termo do Pagamento associado ao Paciente": Vá para Partido → Partes → Pessoas, abra o registro do paciente que você está emitindo a conta, mude para a aba Contabilidade e preencha o campo Termo de Pagamento do Cliente. Certifique-se de salvar o registro antes de voltar para Saúde → Serviços de Saúde → Serviços de Saúde e tente criar a fatura novamente.
  • Se você receber uma mensagem de erro semelhante a "Não há nenhuma despesa de conta/receita definida no produto Paracetamol (30)": Vá para Produto → Produtos, abra o registro do produto mencionado na mensagem de erro, alterne para a aba Contabilidade e preencha em ambos campos Conta da Receita e Conta da Despesa. Certifique-se de salvar o registro antes de voltar para Saúde → Serviços de Saúde → Serviços de Saúde e tente criar a fatura novamente.

Depois de ter criado com sucesso a fatura, registro de Serviços de Saúde muda seu estado de Rascunho para Faturado. Porém, o processo ainda não está completo neste momento (e você ainda pode reverter o registro do Serviços de Saúde ao seu estado de Rascunho, clicando no botão Definir como Rascunho se necessário).

Registro de fatura no GNU Health

Para os passos finais você deve mudar para a seção Financeiro → Faturas → Faturas. Lá você vai encontrar a sua nova fatura, ainda em estado de Rascunho. Abra a fatura, complete-a se necessário, em seguida, valide-a.

Uma fatura pode ter um dos seguintes estados:

  • Draft: O estado inicial.
  • Validado: Uma fatura que tenha sido validada não pode ser editada mais. No entanto, você pode mudar o estado da fatura para Rascunho ou Cancelado clicando nos botões apropriados.
  • Cancelado: Uma fatura que tenha sido cancelada não pode ser editada. Porém, você pode mudar o estado da fatura para Rascunho novamente, o que irá permitir a edição.
  • Pago: Clicar no botão Postar vai trazer uma fatura para o estado de Pago. A fatura não pode ser editada mais e você não poderá mudar mais o seu estado.