FreeBSD Handbook/Iniciando/Instalando o FreeBSD/Iniciando a Instalação

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


FreeBSD Handbook
Anterior Capítulo 2. Instalando o FreeBSD Próxima


2.4 Iniciando a Instalação

Importante: Por padrão, o programa de instalação não fará qualquer modificação em seu(s) disco(s) até que você veja a mensagem da Figura 2-1.

Figura 2-1. Última Chance de Desistir
Last-chance-to-quit.png

A instalação pode ser interrompida a qualquer instante antes desta advertência final, sem modificar qualquer conteúdo em seu disco rígido. Se você estiver em dúvida sobre ter configurado algo incorretamente, pode simplesmente desligar o computador antes deste ponto e nenhum dano será causado.

2.4.1 Booting

2.4.1.1 Processo de Inicialização no i386

  1. Inicie com seu computador desligado.
  2. Ligue o computador. Durante sua inicialização ele deve mostrar uma opção para entrar no menu de configuração do sistema (system setup menu) ou BIOS, normalmente conseguido ao utilizar teclas como F2, F10, Del ou Alt+S. Utilize o conjunto de teclas que for indicado na tela. Em alguns casos o computador poderá exibir uma tela gráfica ao iniciar. Normalmente basta pressionar Esc para eliminar a imagem gráfica e permitir que você visualize as mensagens necessárias.
  3. Encontre as configurações que controlam o dispositivo de inicialização do sistema. Normalmente esta opção é intitulada “Boot Order” e costuma ser apresentada como uma lista de dispositivos como Floppy, CDROM, First Hard Disk e assim por diante.

    Caso seja necessário preparar disquetes de inicialização, garanta que a opção de disquetes seja selecionada. Caso esteja iniciando o sistema pelo CDROM garanta então que este seja o dispositivo selecionado. Em caso de dúvida consulte o manual do seu computador e/ou da placa-mãe.

    Faça a modificação, salve e saia do BIOS. O computador deverá se reiniciar.
  4. Caso tenha necessidade de preparar disquetes de inicialização como foi descrito na Seção 2.3.7, então um deles será o primeiro disco de inicialização; na verdade o disco contendo a imagem boot.flp. Insira este disco no seu dispositivo de disquetes.

    Caso esteja iniciando o sistema a partir do CDROM, será necessário ligar o computador e inserir o CDROM na primeira oportunidade.

    Caso o computador inicie normalmente e carregue o sistema operacional já instalado, então alguma destas situações estão ocorrendo:
    1. Os discos não foram inseridos à tempo durante o processo de inicialização. Mantenha-os inseridos e reinicie seu computador.
    2. As modificações anteriormente realizadas no BIOS não funcionaram corretamente. Refaça este passo até que a opção correta seja encontrada.
    3. Seu BIOS em particular não suporta inicialização do sistema à partir da mídia desejada.
  5. O FreeBSD começará a ser iniciado. Caso esteja iniciando o sistema à partir do CDROM você verá algumas mensagens similares a estas (as informações sobre a versão do sistema foram omitidas):
    Figura 2-2. Iniciando o Sistema pelo CDROM
    Booting-from-cd.png

    Caso esteja iniciando à partir de disquetes, você verá algumas mensagens similares a estas (as informações sobre a versão do sistema foram omitidas):

    Figura 2-3. Iniciando o Sistema pelo Disquete
    Booting-from-floppy.png
    Siga as instruções acima, removendo o disco com a imagem boot.flp e inserindo o disco com a imagem kern1.flp e depois aperte Enter. Em seguida insira os próximos discos, a medida que forem solicitados.
  6. Tenha o sistema sido iniciado por disquete ou CDROM, o processo de boot chegará ao menu de entrada do sistema:
    Figura 2-4. Menu de Entrada do Sistema
    Boot-loader-menu.png
    Espere dez segundos ou aperte Enter.

2.4.1.2 Processo de Inicialização no Alpha

  1. Comece com seu sistema desligado.
  2. Ligue o computador e espere pela tela do monitor de inicialização.
  3. Caso tenha sido preciso fazer discos de inicialização, como descrito na Seção 2.3.7 então um dos discos será o primeiro disco de inicialização, provavelmente o disco gerado a partir da imagem chamada boot.flp. Insira este disco no seu dispositivo de disquetes e digite o seguinte comando para carregá-lo (substituindo o nome do seu dispositivo de disco caso necessário):
    >>>BOOT DVA0 -FLAGS '' -FILE ''
    

    Caso esteja iniciando a partir do CDROM, insira o CDROM no dispositivo e digite o seguinte comando para iniciar a instalação (substituindo o nome apropriado para o dispositivo de CDROM, se necessário):

    >>>BOOT DKA0 -FLAGS '' -FILE ''
    
  4. O FreeBSD vai começar a ser iniciado. Caso esteja iniciando o sistema a partir de um disquete, em dado momento será apresentada a mensagem:
    Please insert MFS root floppy and press enter:
    
    Siga as instruções acima, removendo o disco com a imagem do boot.flp e inserindo o disco com a imagem do kern1.flp e aperte Enter.
  5. Indiferente se o sistema foi iniciado por disquete ou CDROM, o processo de boot chegará a este ponto:
    Hit [Enter] to boot immediately, or any other key for command prompt.
    Booting [kernel] in 9 seconds...  _
    

    Espere dez segundos ou aperte Enter. Isto iniciará o menu de configuração do kernel.

2.4.1.3 Processo de Inicialização na Sparc64®

A maioria dos sistemas Sparc64® são configurados para iniciar automaticamente a partir do disco. Para instalar o FreeBSD você precisa iniciar o sistema pela rede ou a partir de um CDROM, que requer que você quebre a seqüência de boot indo à operação do PROM (OpenFirmware).

Para fazer isso reinicie o sistema e aguarde até que a mensagem de boot apareça. Isso depende do modelo, mas deve se parecer com algo assim:

 Sun Blade 100 (UltraSPARC-IIe), Keyboard Present
 Copyright 1998-2001 Sun Microsystems, Inc.  All rights reserved.
 OpenBoot 4.2, 128 MB memory installed, Serial #51090132.
 Ethernet address 0:3:ba:b:92:d4, Host ID: 830b92d4.

Se o sistema seguir com o boot do disco a partir deste ponto, você precisa apertar L1+A ou Stop+A no teclado, ou enviar um BREAK a partir da console serial (usando, por exemplo ~# com nas ferramentas tip(1) ou cu(1)) para chegar ao prompt da PROM. Ele se parecerá com o seguinte:

 ok         (1)
 
 ok {0}     (2)
(1) Este é o prompt em sistemas com apenas uma CPU
(2) Este é o prompt em sistemas SMP, onde o dígito indica o número de CPUs ativas

Neste momento coloque o CDROM no driver e, do prompt de comandos, digite:

 boot cdrom

2.4.2 Revisando o resultado do reconhecimento de dispositivos

As últimas centenas de linhas que foram apresentadas na tela são armazenadas e podem ser revisadas.

Para revisar o buffer, aperte Scroll Lock. Esta tecla ativa o paginamento da tela. Você pode utilizar as teclas de setas ou PageUp e PageDown para visualizar os resultados do processo de reconhecimento de dispositivos. Aperte Scroll Lock novamente para desativar o paginamento.

Faça isso agora para revisar o texto que foi paginado para cima da tela quando o kernel estava sendo carregado e os dispositivos de controle sendo reconhecidos. Você verá informações textuais similares à Figura 2-5, embora o conteúdo preciso seja diferente dependendo de quais dispositivos existam no seu computador.

Figura 2-5. Resultados Típicos do Reconhecimento de Dispositivos
avail memory = 253050880 (247120K bytes)
Preloaded elf kernel "kernel" at 0xc0817000.
Preloaded mfs_root "/mfsroot" at 0xc0817084.
md0: Preloaded image </mfsroot> 4423680 bytes at 0xc03ddcd4

md1: Malloc disk
Using $PIR table, 4 entries at 0xc00fde60
npx0: <math processor> on motherboard
npx0: INT 16 interface
pcib0: <Host to PCI bridge> on motherboard
pci0: <PCI bus> on pcib0
pcib1:<VIA 82C598MVP (Apollo MVP3) PCI-PCI (AGP) bridge> at device 1.0 on pci0
pci1: <PCI bus> on pcib1
pci1: <Matrox MGA G200 AGP graphics accelerator> at 0.0 irq 11
isab0: <VIA 82C586 PCI-ISA bridge> at device 7.0 on pci0
isa0: <iSA bus> on isab0
atapci0: <VIA 82C586 ATA33 controller> port 0xe000-0xe00f at device 7.1 on pci0
ata0: at 0x1f0 irq 14 on atapci0
ata1: at 0x170 irq 15 on atapci0
uhci0 <VIA 83C572 USB controller> port 0xe400-0xe41f irq 10 at device 7.2 on pci
0
usb0: <VIA 83572 USB controller> on uhci0
usb0: USB revision 1.0
uhub0: VIA UHCI root hub, class 9/0, rev 1.00/1.00, addr1
uhub0: 2 ports with 2 removable, self powered
pci0: <unknown card> (vendor=0x1106, dev=0x3040) at 7.3
dc0: <ADMtek AN985 10/100BaseTX> port 0xe800-0xe8ff mem 0xdb000000-0xeb0003ff ir
q 11 at device 8.0 on pci0
dc0: Ethernet address: 00:04:5a:74:6b:b5
miibus0: <MII bus> on dc0
ukphy0: <Generic IEEE 802.3u media interface> on miibus0
ukphy0: 10baseT, 10baseT-FDX, 100baseTX, 100baseTX-FDX, auto
ed0: <NE2000 PCI Ethernet (RealTek 8029)> port 0xec00-0xec1f irq 9 at device 10.
0 on pci0
ed0 address 52:54:05:de:73:1b, type NE2000 (16 bit)
isa0: too many dependant configs (8)
isa0: unexpected small tag 14
orm0: <Option ROM> at iomem 0xc0000-0xc7fff on isa0
fdc0: <NEC 72065B or clone> at port 0x3f0-0x3f5,0x3f7 irq 6 drq2 on isa0
fdc0: FIFO enabled, 8 bytes threshold
fd0: <1440-KB 3.5" drive> on fdc0 drive 0
atkbdc0: <Keyboard controller (i8042)> at port 0x60,0x64 on isa0
atkbd0: <AT Keyboard> flags 0x1 irq1 on atkbdc0
kbd0 at atkbd0
psm0: <PS/2 Mouse> irq 12 on atkbdc0
psm0: model Generic PS/@ mouse, device ID 0
vga0: <Generic ISA VGA> at port 0x3c0-0x3df iomem 0xa0000-0xbffff on isa0
sc0: <System console> at flags 0x100 on isa0
sc0: VGA <16 virtual consoles, flags=0x300>
sio0 at port 0x3f8-0x3ff irq 4 flags 0x10 on isa0
sio0: type 16550A
sio1 at port 0x2f8-0x2ff irq 3 on isa0
sio1: type 16550A
ppc0: <Parallel port> at port 0x378-0x37f irq 7 on isa0
pppc0: SMC-like chipset (ECP/EPP/PS2/NIBBLE) in COMPATIBLE mode
ppc0: FIFO with 16/16/15 bytes threshold
plip0: <PLIP network interface> on ppbus0
ad0: 8063MB <IBM-DHEA-38451> [16383/16/63] at ata0-master UDMA33
acd0: CD-RW <LITE-ON LTR-1210B> at ata1-slave PIO4
Mounting root from ufs:/dev/md0c
/stand/sysinstall running as init on vty0

Verifique os resultados do reconhecimento cuidadosamente para garantir que o FreeBSD encontrou todos os dispositivos que você esperava. Se algum equipamento não foi encontrando, ele não será listado. Um kernel personalizado permite que você adicione suporte a dispositivos que não estão no kernel GENERIC, como placas de som.

Para o FreeBSD 6.2 e mais novos, depois do procedimento de reconhecimento de dispositivos, você verá a Figura 2-6. Use as setas para escolher um país, região ou grupo. Em seguida aperte Enter e desta forma serão configurados seu país e mapa de teclado facilmente. Também é simples sair do programa sysinstall e começar tudo novamente.

Figura 2-6. Menu de Seleção de País
Config-country.png

Caso seja necessário modificar as configurações do reconhecimento de dispositivos, é simples sair do sysinstall e recomeçar o processo de instalação. Esta também é uma ótima forma de se tornar mais familiar com o processo.

Figura 2-7. Selecione a Saída do sysinstall
Sysinstall-exit.png

Utilize as teclas de setas para selecionar a opção Exit Install do menu principal de instalação. A seguinte mensagem será exibida:

Figura 2-8. Confirmação de Usuário Requerida
User-conf-req.png

O programa de instalação será reiniciado se o CDROM for mantido no leitor de CD e a opção [Yes] for selecionada.

Se estiver iniciando o sistema por disquetes, será necessário retirar o disco boot.flp antes da reinicialização.



Anterior Índice Próxima
Tarefas Pré-instalação Topo Introdução ao sysinstall
Última edição desta página: 24/01/2011 (20110124215135)