Filosofia da Tragédia

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Ir para: navegação, pesquisa

A Filosofia da Tragédia pode ser definida como "o estudo das determinações que causam a tragédia e seus resultados", tendo como "Tragédia" o fenômeno de aniquilamento de um determinado ser.

ou seja é um estudo e o desenvolvimento de um ato que hove o seu ponto principal o desturbio fatal de um individuo;

Definições Afirmativas[editar | editar código-fonte]

Qualquer afirmação tem seu significado próprio em estrutura linguística. Definindo os conceitos de uso em presente Objeto de Estudo, há delimitações ocorrentes que se fazem necessárias.

O Fato[editar | editar código-fonte]

Fato é a constatação estática de um fenômeno real, como uma fotografia tirada de determinada realidade.

A Transição[editar | editar código-fonte]

Transição é o conectivo lógico entre dois fatos.

Fenôma[editar | editar código-fonte]

Fenôma é a relação de várias Fatos e Transições numa cadeira racional.

Fenômeno[editar | editar código-fonte]

Fenômeno é o conjunto ordenado de Fenômas a produzir um contexto.

Realidade[editar | editar código-fonte]

Realidade é o conjunto de fenômenos que ocorrem ao mesmo tempo e que tem verificabilidade por meios comuns.