Engenharia sanitária/Redes de abastecimento de água

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


No desenho de uma rede de abastecimento de água devemos primeiro considerar o material a utilizar. Atualmente no mercado temos disponíveis três grupos de materiais;

  1. Metálicos
  2. Plásticos
  3. Híbridos

No grupo dos metálicos tradicionalmente usa-se o aço carbono, aço galvanizado, aço inoxidável ou o cobre, o chumbo muito utilizado anteriormente é venenoso e por isso proibida a sua utilização.

Prós e contras: como prós temos a grande resistência física e térmica a baixa dilatação. Contra: forte corrosão, alta rugosidade que provoca grandes incrustações especialmente calcário e uma grande perda de carga, difíceis de trabalhar quase sempre necessitam máquinas especiais, peso elevado.
  • No grupo dos plásticos temos o pp-r, pe-x, pe.
Prós e contras: como prós os plásticos apresentam ausência de corrosão, baixa rugosidade, baixo peso, fáceis de trabalhar.
  • No grupo dos híbridos temos tubos formados por três camadas normalmente pe-x - alumínio - pe, estes tubos reúnem todos os prós dos plásticos e dos metálicos, não apresentam corrosão nem incrustações e tem uma alta resistência tanto física como térmica são fáceis de trabalhar com a vantagem de poderem ser moldados à mão e manterem a forma adquirida dispensando muitos acessórios, como único contra têm a necessidade de uma máquina especial (prensa) para as ligações tubo acessório.


Simbolo engenharia.svg

Esta página é um esboço de Engenharia. Ampliando-a você ajudará a melhorar o Wikilivros.