Cultura da Holanda/Introdução

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Este livro foi feito para a difusão de um tema pouco conhecido:a cultura deste fantástico país, que é rica e fascinante, uma vez que há poucos livros e informativos em geral sobre o assunto, nos países lusófonos. Este povo trouxe um pouco de sua arquitetura, costumes e sotaque, em especial o sotaque, que pode ser visto nos moradores da Região Nordeste do Brasil, que tve suas influências nas vogais, e aqui vai um: os nordestinos falam "Récife", e os das outras regiões falam "Rêcife", uma marca da influência holandesa no Nordeste.

A cultura da Holanda se fortaleceu na era dourada holandesa, e se enrequeceu devido à grande atividade mercante com outros países e fluxos migratórios na Europa. A Holanda é considerado um dos países mais tolerantes com relação a diferentes culturas e etnias, devido à grande variedade de culturas regionais que existem neste país.

A Holanda tem a cultura parecida com outros países germânicos, com a música, costumes e, inclusive idioma, que e da mesma raiz do idioma que originou o inglês:o alemão, logo quem sabe inglês, aprende facilmente holandês, ou vice-versa. Aqui um exemplo, um trecho da poesia Herinnering aan Holland (Lembrança da Holanda):

Em holandês:

Cquote1.png "Denkend aan Holland zie ik breede rivieren traag door oneindig laagland gaan", Cquote2.png

Em alemão:

Cquote1.png "Gedanken über Holland sehe ich breite Flüsse langsam durch endlose Flachland gehen" Cquote2.png

Em inglês:

Cquote1.png "Thinking about Holland, I see broad rivers moving slowly through endless lowlands" Cquote2.png

Note as semelhanças nos idiomas, que são da mesma origem: a germânica.

Este poeta morreu de forma trágica, aos 41 anos, enquanto fugia da 2ª Guerra Mundial num navio que ia em direção à Inglaterra, mas que foi torpedeado por um submarino alemão, causando assim um naufrágio em que sua esposa foi a única sobrevivente [1]

Apesar de todas as influências recebidas, a Holanda manteve sua identidade cultural, mas com muitos regionalismos, e este livro explicará de forma mais clara e convincente, todas as subculturas deste país.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. http://www.erasmuspc.com/index.php?option=com_content&task=view&id=321&Itemid=81