Bioquímica/Regulação e alosteria

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
< Bioquímica
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Enzimas alostéricas

Algumas enzimas não obedecem a cinética de Michaelis e Mentem, esse é o caso das enzimas que possuem uma espécie de modulador que no caso pode se apresentar com sinal positivo (a enzima está mais ativada)ou negativo (a enzima está menos ativada). São determinadas como passo limitante na maioria das vias-metabólicas exibindo assim como já dito anteriormente, a atividade mais ativada ou menos ativada em resposta a certos sinais.

A alosteria é explicada pelo efeito que o modulador + ou - age sobre a enzima, alterando assim a velocidade realizada pela enzima, possuem em geral uma grande relação com alguns distúrbios enzimáticos.

Existe a chamada inibição por retroalimentção ou Feedback, cujo há a existência de dois tipos:

-Homotrópico, na qual o sítio ativo da enzima pode funcionar como um regulador e o substrato como um modulador +.

-Heterotrópico, na qual o modulador é um metabólito diferente do substrato que podem se ligar a sítios distintos do substrato.

O modulador de forma resumida promove a facilitação da formação do complexo enzima-substrato, sofrendo algumas modificações covalentes reversíveis.