Introdução à Química/Ácidos e bases

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Ir para: navegação, pesquisa

Definição[editar | editar código-fonte]

Bases[editar | editar código-fonte]

Pela teoria de Arrhenius, base, hidróxidos ou substâncias alcalinas (pois ocorrem com metais alcalinos) é toda substância que em água sofre dissociação e produz como íon negativo apenas OH- e torna o outro elemento um íon positivo. Exemplo:

NaOH \to Na^+ + OH^-

Dessa forma concluímos que para uma substância ser considerada uma base de Arrhenius ela deve possuir em sua estrutura a hidroxila, isto é, o grupo OH-

Ácidos[editar | editar código-fonte]

Ácidos são substâncias que ao entrar em contato com água sofrem ionização e produzem o íon positivo H+ e o íon negativo do outro elemento:

HCl \to H^+ + Cl^-

Principais Propriedades dos Ácidos e Bases[editar | editar código-fonte]

O pH é uma medida da concentração de cátions de hidrogênio em solução aquosa. Os valores do pH variam em uma escala que vai de 0 a 14, sendo que a água pura tem pH próximo de 7, conforme a sua temperatura. Para soluções ácidas o pH é menor que 7, enquanto que para as soluções básicas o pH é maior que 7:

pH Tipo de solução
0 - 6,99 Ácido
7 Neutro
7,01 - 14,0 Básico

Quanto mais próximo de 0 mais ácida é a substância, ou seja, a acidez decresce com o pH. Quanto mais próxima de 14 mais básica é a substância, isto é, a basicidade cresce com o pH.

Curiosidades Quando encontramos compostos ácidos super concentrados (com concentração acima de 1,0 mol/L) observamos que o pH do composto se torna negativo, isso se deve à concentração de íons hidrônio ser muito elevada, logo a escala não suporta. Mesma situação ocorre na dissociação de bases com concentrações acima de 1,0 mol/L, sendo o pH dos compostos encontrados acima de 14,0, devido à mesma característica observada nos compostos ácidos, sendo essa concentração relativa aos íons hidroxila.

Condutibilidade Elétrica[editar | editar código-fonte]

  • Dos metais: Os metais têm como propriedade principal a condutibilidade elétrica, que permanece como propriedade mesmo submetido a altas temperaturas e atingindo o estado líquido (fusão).
  • Dos compostos iônicos: à temperatura ambiente apresenta-se no estado sólido, não conduz corrente elétrica e é solúvel em água; quando aquecido até que se funda, o líquido obtido conduz corrente elétrica.

Reação com Metais[editar | editar código-fonte]

Os metálicos conduzem eletricidade devido ao aglomerado de átomos neutros e cátions, mergulhados em uma nuvem de elétrons livres, logo essa nuvem de elétrons funciona como uma ligação metálica, mantendo esses átomos unidos.

Reação de Neutralização[editar | editar código-fonte]

É a reação entre um ácido e uma base, que resulta na formação de água e uma nova substância, um sal. O sal é formado pelo cátion da base e pelo ânion do ácido.

Sais[editar | editar código-fonte]

Sais são compostos resultantes da reação de um ácido com uma base (reação de neutralização). É bom memorizar que todo ácido ao reagir com uma base produz sempre sal e água. O sal mais famoso é o NaCl - cloreto de sódio, o sal de cozinha. Exemplo:

HCl + NaOH \to NaCl + H_{2}O

HF + LiOH \to LiF + H_{2}O

Óxidos[editar | editar código-fonte]

Óxidos são compostos binários, isto é, possuem dois elementos químicos, sendo o oxigênio o elemento mais eletronegativo. Exemplos: CaO, CO5 , H6O , H2O2 etc.

Então, lembre-se: os óxidos sempre possuem dois elementos químicos e um deles é obrigatoriamente o oxigênio, o qual aparece do lado direito da fórmula, pois é o átomo mais eletronegativo. Veja as seguintes substâncias binárias: OF2, O2F2 elas não são óxidos, pois apesar de possuírem apenas dois elementos e sendo um deles o oxigênio, o átomo de flúor (F) é o elemento mais eletronegativo e por isso aparece à direita da fórmula.