Logística/Gestão de armazéns/Operação de um armazém/Funções de um armazém: diferenças entre revisões

Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Correcção
(actualização)
(Correcção)
Citando Heskett, Ivie e Glaskowsky: «''…Assim como o controlo de [[w:estoque|''stocks'']] é a parte vital da função logística, o [[w:armazém|armazém]] é o centro real do sistema logístico de qualquer empresa…''».
 
Os armazéns são locais de armazenamento e escoamento de produtos, tendo como principalprincipais funçãofunções o processamento, a gestão de produtos, os stocks e o encaminhamento dos respectivos produtos para as entidades que os solicitam, dando-se com istoocorrendo um percurso devidamente identificado entreque avai da [[w:Recepção (armazém)|recepção]] dos produtos até ao seu escoamento.
 
Para que seja possível chegar ao seu termo, existem diversos percursos pelos quais os produtos têm de seguir. O processamento dos produtos tem dentro das funções de um armazém uma lógica definida e equilibrada. Retratando essa evolução num espaço físico de um armazém conseguimosconsegue-se perceber todo o percurso assim como a sua lógica e sequências com as suasdas funções especificas:
 
*Recepcionar os produtos. Os produtos chegam a um armazém por diversos meios, a partir do momento em que entram, o armazém torna-se o «fiel depositário» , tendo como função principal o responsabilizar-se por todo o material.
*Ao entrarem os produtos tem de ser registados, nesseesse registo deve-seé identificarfeito com o número de registo de entrada, marcação por meio de um código, ou qualquer outro processo considerado adequado.
*No espaço de [[w:Armazenagem|armazenagem]] existem áreas específicas para os diversos produtos, o que permite uma localização e uma armazenagem mais criteriosa.
*Com o tipo de armazenagem específica e objectiva torna-se mais fácil o manuseamento e pesquisa do produto.
*No armazenamento, os produtos são acomodados e protegidos até serem seleccionados para utilização, o acomodamento correcto permite que o processo de manuseamento se torne mais célere e eficiente aquando do pedido do [[w:Consumidor|cliente]].
*Ao serem solicitados os produtos, devem ser devidamente acomodados, o que torna mais célere e eficiente o seu manuseamento aquando do pedido do [[w:Consumidor|cliente]].
*Os pedidos ao entrarem devem ser verificados até estarem completos, para além disso devem ser analisados exaustivamente para que não se verifiquem quaisquer omissões.
*Após a selecção de todos os produtos, estes devem ser embalados (e, enviados para o veículo que efectuar o seu [[w:Transporte|transporte]]). Ao saírem devem levar sempre os respectivos documentos de [[w:Expedição (armazém)|expedição]] (guia de remessa) e o documento financeiro ([[w:Fatura|factura]]).
*O registo de pedidos é extremamente importante para que exista uma organização interna, permitindo assim uma reposição correcta dos produtos expedidos (reposição de ''stocks'').
 
Os armazéns têm formas e especificidades diferentes, tendotêm a ver basicamente com o tipo de produto, daí se poder afirmar que podem também ser utilizados como um depósito de um determinado produto, sendo parte integrante do processo produtivo do mesmo; dando como exemplo deste tipo de processamento físico, as caves de vinhos, estas são meramente pontos de processamento onde se dá o envelhecimento de um produto, neste caso, oso vinhosvinho ocorre.
 
DaíPode afirmar-se poder afirmar que os armazéns têm uma função de protecção, para além da função de gestão de ''stocks'' e de controlo e manutenção dos produtos.([[Logística/Referências#refbMAGEE|Magee, 1977, p. 148-149]]).
{{AutoCat}}
95

edições

Menu de navegação