Inglês/Curso/Básico/Lição 1

Origem: Wikilivros, livros abertos por um mundo aberto.
Ir para: navegação, pesquisa

Exemplos, usando o verbo "to be"

1- I am a clever student; 2- He are a good person in the society; 3- They are running in the field; 4- We are writting some letters for you; 5- She is a beutiful girl; 6- You are eating an apple.

Pronomes pessoais[editar | editar código-fonte]

Segue uma lista dos pronomes pessoais ("personal pronouns")

 English 
(Inglês)
 Portuguese 
(Português)
I eu
you tu/você
he ele
she ela
it ele, ela, isto, isso
(para animais e objetos inanimados)
we nós
you vós, vocês
they eles, elas
  • O pronome I é escrito sempre em letra maiúscula, não importando onde estiver na frase.
  • Os pronomes he e she são restritos a pessoas, enquanto it é usado para designar animais, objetos e entidades abstratas (palavras, números, sentimentos etc.). Esta regra admite algumas exceções, como em fábulas e desenhos que apresentam animais ou objetos antropomorfizados.
  • O pronome it também funciona como sujeito de orações que no português não possuem sujeito, como será estudado mais adiante.

Artigos[editar | editar código-fonte]

O inglês possui apenas três artigos ("articles")

 English   Portuguese 
the o/a/os/as
a um/uma
an

Perceba que há dois equivalentes para "um" e "uma": A forma "a" é usada antes de palavras que começam com som de consoante, e a forma "an" é usada antes de palavras que começam com som de vogal. Não há forma no plural do artigo indefinido.

a man ("um homem")
an elephant ("um elefante")
a woman ("uma mulher")
an hour ("uma hora")

O artigo definido da língua inglesa não varia em número. Ou seja, a mesma palavra, "the", é usada no lugar de "o", "a", "os" e "as".

the man ("o homem")
the elephant ("o elefante")
the men ("os homens")
the elephants ("os elefantes")
the woman ("a mulher")
the hour ("a hora")
the women ("as mulheres")
the hours ("as horas")
Nota: normalmente, o plural é formado pela adição de -es ou -s. Duas importantes dentre as exceções a essa regra são as palavras "man" ("homem"), que tem como plural "men" ("homens"), e "woman" ("mulher"), que tem como plural "women" ("mulheres").

O verbo "to be"[editar | editar código-fonte]

Em inglês, como em todos os idiomas germânicos modernos, não há diferença entre "ser" e "estar". Isto significa que um único verbo é usado tanto para dizer uma coisa quanto outra. No inglês, o verbo com esse significado é o to be, cuja conjugação no presente é a seguinte:

 English 
(Inglês)
 Portuguese 
(Portuguese)
I am eu sou/estou
you are tu és/estás
você é/está
he is ele é/está
she is ela é/está
it is ele/ela/isto é/está
we are nós somos/estamos
you are vós sois/estais
vocês são/estão
they are eles/elas são/estão
Nota: quase todos os verbos do inglês, no infinitivo, são precedidos de to (os únicos que não seguem essa regra são os verbos modais).
Nota: ao contrário do que acontece em português, a maioria das orações na língua inglesa obrigatoriamente têm sujeito. Nos casos que admitem sujeito oculto em português, estes devem ser explícitos em inglês (ex.: Gostamos de você. - We like you.); e quando o sujeito for indeterminado em português, geralmente usamos they em inglês (ex.: Roubaram meu carro. - They stole my car.)
I am a man. ("Eu sou um homem.")
I am here. ("Eu estou aqui.")
You are a boy. ("Você é um garoto.")
You are boys. ("Vocês são garotos.")
You are hungry. ("Você está/vocês estão faminto(s).")
He is a man. ("Ele é um homem.")
She is a woman. ("Ela é uma mulher.")
It is a dog. ("Isto é um cachorro.")
It is raining. ("Está chovendo.")
We are European. ("Nós somos europeus.")
We are in America. ("Nós estamos na América.")
They are nice. ("Eles/Elas são legais.")
They are men. ("Eles são homens.")
They are women. ("Elas são mulheres.")
John is English. ("John é inglês.")
John and Mary are English. ("John e Mary são ingleses.")

Quando precedido por pronome ou substantivo, o verbo "to be" pode ser contraído, o que ocorre na língua oral e em textos informais:

 Long form 
(Forma longa)
 Contraction 
(Contração)
I am I'm
you are you're
he is he's
she is she's
it is it's
we are we're
you are you're
they are they're

Negativas[editar | editar código-fonte]

Para construir uma negação com o verbo "to be", basta adicionar a palavra "not" após ele.

  • Exemplos:
John is not English. ("John não é inglês.")
John and Mary are not English. ("John e Mary não são ingleses.")
I am not married. ("Eu não sou casado.")

A palavra "not" também pode ser contraída com o verbo "to be" (também apenas em textos informais ou oralmente):

 Long form 
(Forma longa)
 Contraction 
(Contração)
I am not I'm not
He/she/it is not He/she/it isn't
You/we/they are not You/we/they aren't
  • Exemplos:
John isn't English. ("John não é inglês.")
John and Mary aren't English. ("John e Mary não são ingleses.")

Portanto, as três orações abaixo têm o mesmo significado:

It is not a dog. = It's not a dog. = It isn't a dog.

Todas significam: "Isto não é um cachorro".

Interrogativas[editar | editar código-fonte]

Em questões, o verbo "to be" posiciona-se antes do sujeito (isso vale apenas para alguns verbos, que serão estudados mais adiante):

Is it a dog? ("Isto é um cachorro?")
Is he American? ("Ele é americano?")
Am I right? ("Eu estou certo?")
Are you hungry? ("Tu estás/Você está/Vocês estão com fome?")